Estarei Aqui - Daya Alves

Paloma esperou quartorze anos para realizar o sonho de casar. Enquanto aguardava ansiosa que seu noivo marcasse a tão desejada data, satisfazia-se em trabalhar com wedding planner, assessorando muitas noivas histéricas. Até que um dia, por obra do destino, acabou envolvida em uma confusão e descobriu algo que iria abalar seu relacionamento. Desiludida com o amor, ela blinda seu coração para não sofrer novamente, porém, mais uma vez, não consegue ficar longe de uma grande confusão e seu caminho cruza com o de um médico socorrista do SAMU - moreno, latino, dono de olhos verdes e um sotaque que a deixava tonta. Seria Rico capaz de abalar sua determinação?

Quero iniciar essa resenha deixando bem claro que fazia tempo que não me divertia tanto lendo um livro. Estarei Aqui é um chick-lit muito divertido, com personagens cativantes, diálogos espirituosos, e é quase impossível não se pegar rindo à toa a cada nova página virada.

Depois de ler um livro bem tenso (Depois Daquela Montanha, de Charles Martin), nada mais empolgante do que pegar um livro totalmente diferente e que faça rir. Foi fácil me empolgar com o texto leve, fluido e que pega o leitor pela forma como a autora desenvolve a narrativa. Foi tudo muito bom, não se perde nada, todos os personagens se encaixam perfeitamente na trama e a presença deles faz a diferença em todo o desenrolar da narrativa, e como foi bom conhecê-los, até os mais antipáticos como a Fabiana e o chato do Cadu. Aff, ninguém merece esses dois!

Nossa protagonista, Paloma, nasceu com dois pés esquerdos. Como pode uma pessoa ser tão estabanada?! Desde a adolescência o destino já aprontava com ela. O livro já começa com uma das suas. Imagina cortar o dedo com uma faca, e por causa disso ir parar no hospital com uma tia desmaiada, ensanguentada e ainda ser vista como esfaqueadora da própria tia?! Tudo, é claro, foi uma grande confusão. Mas por causa dessa sua trapalhada ela conhece um anjo de olhos verdes, moreno, alto, perfeito, e de quebra acaba descobrindo uma puta de uma sacanagem de seu noivo, tudo de uma pancada só. Seria o destino aprontando das suas?!

Enrico entra na vida de Paloma da maneira mais estranha possível, ele é o médico do SAMU que atende seu caso, e os dois acabam se esbarrando em outras situações hilárias que acontecem depois. A maneira que a autora escreve os encontros dos nossos queridos protagonistas é sempre uma nova aventura.

Apesar de Estarei Aqui ser um livro divertido e super leve, sem muitos dramas e tal, ele nos passa uma lição para a vida: Nem tudo que desejamos é o melhor para a gente. E o que mais desejamos pode estar ao alcance de nossas mãos. Além também de ser uma história que valoriza a família, a amizade, o amor próprio, e acima de tudo o desejo de ser feliz.

Nossa protagonista depois de se desiludir com o amor, acredita não ser capaz de despertar esse sentimento nas pessoas, acaba se retraindo e não conseguindo expressar seus sentimentos por medo de ser magoada novamente. Mas ela ama, e se entrega de tal maneira que fica impossível não amá-la de volta. Paloma é uma das personagens mais cativantes que já tive a honra de conhecer.

Estarei Aqui foi um dos livros mais gostosos que já tive o prazer de ler. Difícil foi me conformar ao término da leitura, que essa aventura tinha chegado ao final, e que final. Daya Alves, minha querida, amei aquele final, foi realmente uma surpresa. Você, com certeza, sabe como encantar o leitor do início ao fim.

Agradeço à Editora Coerência pelo envio do livro a pedido da autora. Com certeza essa foi uma leitura que me divertiu bastante e que indico com o maior prazer. Daya Alves escreve de forma leve, sem medo de fazer rir, de emocionar e de oferecer ao leitor momentos muito agradáveis.
Recomendo a leitura.

9 comentários:

  1. Oi, Lena. Eu já ouvi falar desse livro mas nunca procurei saber mais, mas chick-lit geralmente não falha e tenho certeza que irei gostar tanto quanto você.
    Beijo! Leitora Encantada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certeza de uma ótima leitura, diversão garantida.
      Bjs

      Excluir
  2. Leninha, fiquei muito emocionada com o carinho de sua resenha. Hoje estou muito feliz e realizada, lhe acompanho desde quando nem sonhava ser possível tornar-me uma escritora. Muito obrigada de coração 💓

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem muito talento, sinto-me honrada com suas palavras.
      Amei seu livro e indico para todos os meus amigos, diversão garantida.
      Bjs

      Excluir
  3. Faz tempo que não me divirto verdadeiramente com uma leitura também, então acho que essa indicação de livro veio especificamente para mim. Gostaria de começar com os chick lits também, e com humor melhor ainda! Personagens estabanadas são as melhores porque me identifico super com elas e dou altas risadas. Adorei a resenha!

    Um abraço!
    Parágrafos & Travessões

    ResponderExcluir
  4. Leninha!
    Já gostei porque me identifiquei com Paloma, sou totalmente estabanada e acontece cada coisa comigo que se contar você se acaba de rir...
    Amo chick lit e com um moreno, albo, olhos verdes, bonito e sensual, quem resiste?
    Adorei a resenha e já anotei aqui, precisando de leituras hilárias.
    Desejo uma semana de luz e paz!
    “A dúvida é o princípio da sabedoria.” (Aristóteles)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai se identificar muito com a Paloma então, Rudy. Ri muito com ela, rsrsr
      Quanto ao Enrico, foi para meu Top Piriguetagem 2017.
      Bjs

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos