O Sonho de uma Filha - Francine Rivers

Crescer não é fácil para a pequena Carolyn. Com a mãe isolada por causa da tuberculose, a menina cria um laço especial com a avó. Mas, à medida que as tensões entre as duas mulheres aumentam, Carolyn se sente culpada. Quando a mãe volta a trabalhar e a avó vai embora, Carolyn e o irmão são criados praticamente sem a supervisão dos pais, o que trará consequências nefastas. A faculdade dá a Carolyn a oportunidade de se encontrar, mas uma tragédia na família abala sua recém-conquistada independência. Em vez de voltar para casa, ela corta todos os laços e se perde na intoxicante contracultura de San Francisco. Quando reaparece dois anos depois, grávida e mais desorientada do que nunca, ela precisa construir uma vida para si e para o bebê.
Exatamente como Carolyn, sua filha, May Flower Dawn, desenvolve uma ligação mais forte com a avó do que com a mãe, provocando mais uma rixa entre gerações. Mas, conforme cresce e se torna uma moça gentil e generosa, Dawn vai lutar para evitar os erros de seus antepassados, prometendo ser uma ponte entre as mulheres da família, e não um muro que as separe para sempre.

Sentar-me diante do computador nessa manhã fria para escrever a resenha do livro O Sonho de uma filha é quase como fazer um parto, é complicado me afastar dessa família que tanto me deu prazer em conhecer. É como perder uma avó, uma mãe, uma irmã, uma filha, todos de uma vez só. Confesso que escrever essa resenha está sendo uma tarefa muito dolorosa para mim.

Quando me aventurei na leitura de A Esperança de uma mãe não estava preparada para ser sugada para uma época tão cheia de descobertas, foi como fazer parte da família. Marta transmite uma força incomum de amor, perdão, amizade, mas acima de tudo de amor a Deus. E é por aí que toda a trama se desenvolve, com a base forte e sólida do amor ao próximo.

Marta continua sua longa trajetória na busca de conquistar o amor de sua filha Hildemara, mas isso parece uma tarefa muito difícil, porque Marta na sua tentativa de criar uma mulher forte, na verdade moldou uma mulher dura, incapaz de se abrir e externar seus sentimentos.

A história se inicia do ponto exato no qual o livro anterior parou, e apesar de toda a carga de experiências vividas pelos personagens, os muros existentes entre eles são ainda maiores agora. Para eles é quase uma tortura deixar o coração falar quando já se sofreu tanto. Cabe agora ao amor e a paciência agirem para que se criem pontes.

Acho que deu para notar como está sendo difícil escrever essa resenha, não quero contar nada para não fazer com que futuros leitores percam o interesse, mas é complicado não falar.

Quatro épocas tão distintas narradas numa série repleta de encontros e desencontros, lutas e perseveranças, dores e alegrias. Não tem como não ver Marta como uma mãe querida e ao mesmo tempo tentar entender os sentimentos de abandono sentidos por Hildie. Perceber toda a tristeza de Carolyn, seu desespero por se sentir inútil. Amar e sentir a decepção de Dawn diante do cabo de guerra que foi sua vida.

E como não notar o grande amor pela pátria existente em toda a saga? Todos os homens da trama se sentem impulsionados para servir sua pátria, fazendo com que suas mulheres sofram as dores que milhares de esposas, filhas e irmãs sentiram ao terem os seus servindo o país.

Quatro gerações de mulheres que só desejavam o melhor para os filhos, queriam que eles fossem vencedores, independentes e fortes. Acho que esse é o desejo de toda mãe, que os filhos sejam alguém na vida, se tornem pessoas de bem, que não dependam de ninguém. Eu sou assim e acredito que muitos dos que estão lendo essa resenha também pensam dessa maneira. E nessa trajetória cometemos erros, protegemos demais, sonhamos em realizar os nossos sonhos no futuro dos filhos e aí cometemos o pior dos erros, tentamos viver a vida deles.

Marta foi desbravadora, não teve medo de viajar pelo mundo buscando realizar seus sonhos. Mas cometeu erros como qualquer ser humano, sofreu e foi dura com os filhos para que eles não passassem pelo que ela havia passado na vida. E assim eles seguiram seu exemplo, lutaram, amaram, tiveram seus próprios filhos e também pecaram pelos excessos.

Uma história escrita para um público certo, aquele que não tem medo de leituras fortes que trazem lições preciosas, que ensinam com as dores dos personagens os passos certos a seguir.  Não espere encontrar no Legado de Marta muito romance, mas tenha certeza ele é repleto dele, não amores arrebatadores, mas amores sinceros, consolidados na luta, na conquista por algo melhor. Todas as quatro gerações desse livro amaram intensamente e não tiveram medo de viver. 

Esteja preparado para adentrar numa história riquíssima, para conhecer essa família que com certeza irá passar a fazer parte da sua vida. Tenha certeza que depois do término da leitura você passará muito tempo lembrando dessa saga tão lindamente contada, sentindo saudades, tentando acertar e não cometer os mesmos erros.

Desde 1901 até os dias atuais. Não tem como não se apaixonar pelo Legado de Marta, uma verdadeira história de amor, um amor incondicional com base sólida no amor de Deus e ao próximo.

29 comentários:

  1. Oi, Leninha.

    Puxa, essa leitura mexeu mesmo com você, né! Ando precisando de um livro assim. Só não sei se gostaria de ler esse livro, justamente por essa questão religiosa. Agora que me lembrei que essa autora é a mesma de Amor de Rendenção, que embora todo mundo diga que é lindo e tal... essa coisa da religiosidade não me desce.

    Mas fico feliz por você. Essa sensação de ser arrebatado por uma história é única.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se sua preocupação é o fato da religiosidade no livro, pode ler tranquila. A história fala de amor acima de tudo e de família.
      Denso, pungente, tocante são apenas alguns adjetivos que não citei na resenha, mas é notável na leitura.

      Beijos Lil, espero que um dia você leia.

      Excluir
    2. Bom, se é assim, talvez eu dê uma chance se encontrar o livro num preço bacana. rs. Se ler, eu te conto!

      Excluir
    3. Vc nunca vai encontrar um livro de Francine Rivers falando ou defendendo religião...Mas como ela mesmo diz, ela escreve seus livros como forma de agradecer à ele. Deus é o foco dos livros de Francine Rivers. Já em A esperança de uma mãe, ela vem com um drama familiar...Então pode ler sem medo Lilian, vc não vai se arrepender. Um dos melhores livros que já li na vida !

      Excluir
    4. Concordo com você Elves: Um dos melhores livros que já li na vida [2]

      Excluir
    5. Ok, ok. Vocês me convenceram. Vou ler assim que tiver a chance! (Leia-se: achar numa promoção bacana).

      Excluir
    6. Lilian, o livro "amor de redenção" fala do amor de Deus e não de religião.
      Desafio você a também fazer essa leitura e depois tirar suas próprias conclusões.
      Deus é amor!

      Excluir
    7. Lilian, o livro "amor de redenção" fala do amor de Deus e não de religião.
      Desafio você a também fazer essa leitura e depois tirar suas próprias conclusões.
      Deus é amor!

      Excluir
  2. Leninha, que resenha cativante *-*
    Eu já li outro livro da autora e curti demais a escrita dela! Pelo jeito, esse é melhor ainda, né?! Não posso perder *-*

    Beijos,
    Nanie

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não perca mesmo Nanie, leia e por favor, volta para me contar!
      beijão!

      Excluir
  3. Respostas
    1. Tomara que você encontre para comprar mais em conta Elves.
      Abraço!

      Excluir
  4. Oi Leninha

    Como sobreviver a essas resenhas ou melhor o meu bolso ???


    É mais um pra listona de desejados.
    bejusss

    ResponderExcluir
  5. Que resenha mais linda.
    A história parece ser muito bonita e cativante fiquei curiosa não só para ler esse livro, mas o que vem antes.
    Estou precisando de um livro assim que mexa com as minhas emoções.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pronto, achou o livro!
      Vale a pena ler, você vai se apaixonar.
      Beijinhos.

      Excluir
  6. Queria saber qual deles vem primeiro... O Sonho de uma Filha ou A Esperança de uma mãe ?

    ResponderExcluir
  7. Acabei de ler A esperança de uma mãe, simplesmente fiquei apaixonada pela história e suas personagens, porém me mudei recentemente para o Canadá (ganhei o livro de uma amiga na despedida) e agora? como faço pra comprar o outro? rsrsrs
    beijo

    ResponderExcluir
  8. Oii, são quantos livros da serie?
    Quais são esses livros?
    Obrigada.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série é composta apenas por dois livros: A Esperança de uma mãe e O Sonho de uma filha.
      Bjs

      Excluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Eu li 3 livros que temos dela, é realmente MARAVILHOSOO.....vale muito a pena ler...
    gostaria de saber se existe mais algum titulo da escritora ?
    obrigada Cristiane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que são apenas três livros de Francine Rivers já publicados aqui no Brasil:
      - Amor de Redenção
      - A esperança de uma mãe
      - O sonho de uma filha
      Recomendo os três!

      Excluir
    2. Recomendo da FRANCINE RIVERS para quem é cristão a quadrilogia MULHERES DA BIBLIA, principalemnte BATSEBA UMA HISTORIA DE BELEZA E SOFRIMENTO. Pois é baseado numa personagem biblica, entõa quem nõa gosta mesmo de nada da Biblia talvez nõa goste. MAS independente disto há ali lições justamente para mostrar que é na podridão das falhas humanas onde mais DEUS se mostrar benevolente. Creio que todos os livros da FRANCINE sejam extraordinarios. O problema é achar aqui neste país onde as editoras ignoram esta porcentagem de leitores de ficção cristã. Outra discriminada que os livros são extraordinarios é a TESSA ASFICHAR. Quem já leu PEROLA NA AREIA, RAABE, sabe disto. Vamos incomodar os sites das editoras para lançarem mais livros destas escritoras. O Brasil é devagar demais. Em paises que tem 5 milhoes de hab lançam todos os livros destas escritoras. Exemplo, ESLOVAQUIA. Dai que quando queremos um livro delas aqui só existem as primeiras edições, que custam os olhos da cara, só em sebos, o que é um absurdo.

      Excluir
  11. Oi ganhei de presente da minha irmã,Amorde Rendeção e é apaixonante. Pesquisando sobre a autora encontrei seu Blog é muito legal. Não veja a hora de comprar os outros livros! É maravilhoso o que Deus faz na vida dos personagens de Amor de redenção. Bjo

    ResponderExcluir
  12. Recomendo da FRANCINE RIVERS para quem é cristão a quadrilogia MULHERES DA BIBLIA, principalemnte BATESEBA UMA HISTORIA DE BELEZA E SOFRIMENTO. Pois é baseado numa personagem biblica, entõa quem nõa gosta mesmo de nada da Biblia talvez nõa goste. MAS independente disto há ali lições justamente para mostrar que é na podridão das falhas humanas onde mais DEUS se mostrar benevolente. Creio que todos os livros da FRANCINE sejam extraordinarios. O problema é achar aqui neste país onde as editoras ignoram esta porcentagem de leitores de ficção cristã. Outra discriminada que os livros são extraordinarios é a TESSA ASFICHAR. Quem já leu PEROLA NA AREIA, RAABE, sabe disto. Vamos incomodar os sites das editoras para lançarem mais livros destas escritoras. O Brasil é devagar demais. Em paises que tem 5 milhoes de hab lançam todos os livros destas escritoras. Exemplo, ESLOVAQUIA. Dai que quando queremos um livro delas aqui só existem as primeiras edições, que custam os olhos da cara, só em sebos, o que é um absurdo.

    ResponderExcluir
  13. Leninha seu blog é dez, vcs blogueiras é quem tem mais poder para pressionar as editoras para lançarem mais livros destas escritoras. Façam isto por nós rsrs

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos