Eu sou "Sempre Romântica"

E na sequência das presenças especiais para o aniversário do blog Sempre Romântica, temos hoje... Cris Valori!


Eu sou "Sempre Romântica"

14 anos? Uau! 
Quando paro para pensar na grandiosidade do seu amor pela leitura, fico emocionada e grata. Como leitora e escritora, a sua dedicação enche o nosso mundo de alegria e satisfação.  

E para comemorar os 14 anos do Sempre Romântica nada mais correto do que falarmos um pouquinho sobre romance, não é mesmo? 

Joguei a palavra “romance” na internet e o seguinte resultado apareceu: Romance é um gênero textual que consiste em uma narrativa longa, escrita em prosa... Li, reli e compreendi a parte conceitual. 

Contudo, não fiquei satisfeita com o resultado. Afinal, estava procurando um outro tipo de romance. Sabe aquele dos livros, dos filmes ou das melodias? Então! Era exatamente esse tipo de explicação que eu desejava. 

Por que somos tão apaixonados por romance? Por que suspiramos acordados quando o mocinho está prestes a beijar o seu primeiro amor? Por que choramos quando a morte é o único caminho diante de uma doença incurável?

Lógico que você pode me dizer que o conceito de romance é o que traz vida para os textos que lemos. E eu nunca discordarei desse fato. 

Entretanto, não ligo para o conceito quando me apaixono por um personagem ou quando defendo meu livro preferido. Não. Na verdade, o que procuro é o friozinho na barriga, o sorriso bobo durante a leitura, os olhos marejados pela emoção do final feliz, o epílogo, o clichê, as cinco estrelas na avaliação... Esse é o tipo de romance que almejo todas às vezes que viro a página de um livro. 

E talvez essa minha busca incansável seja pelo simples fato de que eu seja uma pessoa “Sempre Romântica”. 

Parabéns pelos 14 anos! 

Cris Valori 

4 comentários

  1. Mais um texto daqueles que a gente lê e se sente parte de toda a história do Sempre Romântica! Oportunidade única de passar um mês de celebrações assim, com amigos,leitores, autores(as) que chegaram nesse espaço tão lindo e simplesmente ficaram, por se identificarem com o romance, os suspiros, surtos e canções(tá,filmes também)
    Beijo e parabéns!!!

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  2. Cris!
    Entendo perfeitamente tudo que sente e quer ao ler um romance e não é à toa que está aqui nessa comemoração, afinal, ser 'Sempre romântica' é o que a move (e há muitas outras leitoras, como eu) nosso coração e nossos sentimentos.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  3. Olá! E como sou do time do “sempre romântica”, também não me contentaria com essa explicação sobre romance não, pois bem sei que ele é bem mais do que essas palavras (risos), ahhh ele é o motivo dos meus suspiros (e delírios), de algumas noites mal dormidas, mas de estar sempre com o capítulo em dia (risos).

    ResponderExcluir
  4. Te ver falando de romance deixa meu coração quentinho, é basicamente o meu gênero favorito e felizmente pelos blogs e pelas redes sociais foi onde achei a maior parte das pessoas que também gosta.
    A tua descrição do que procura lendo um romance é exatamente igual a minha, apesar de ter tentando ler outros gêneros, é ele que me toca sabe, aquele tipo de vicio que te faz ficar até 2 da manhã, sendo que teu horário de dormir era ás 22 ou que te faz levar o livro pra lugares aleatórios só porque tu não consegue se separar dele e quer saber o final.
    Se eu visse essa definição de romance, também não iria me contentar, é mais do que um gênero sabe, é conexão.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos serão respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!