[Revelação da Capa] De volta para ela - Lauren Gallagher

Olá, Romântica de plantão!
Hoje trago uma novidade fresquinha para os fãs de romances. A Cherish Books BR orgulhosamente apresenta seu primeiro romance com uma personagem Trans. Sabemos que para muitos de nós, ler esse romance vai ser sair da zona de conforto. Shannon é o tipo de personagem que gera empatia, respeito e principalmente amor de nossa parte. Ter a coragem de transicionar e enfrentar todo um sistema é algo que vários jovens trans passam, não só em nosso país, mas no mundo todo. Esperamos que a história dela possa influenciar positivamente todos aqueles que derem uma chance para essa história.

O lançamento será no dia 29 de janeiro, dia da visibilidade trans. Estamos super ansiosos para ver o quanto histórias assim irão gerar empatia. 
Espero que todos curtam!

Sinopse:
Trevor Larson é filho de um militar da Marinha. Ele costuma se mudar a cada poucos anos e, graças às mídias sociais, pode ficar em contato com os amigos que deixa para trás. Mas logo depois que deixa Okinawa, seu melhor amigo, Brad Gray, interrompe o contato e desaparece.
Quatro anos e duas bases depois, Brad ressurge e anuncia que sua família está chegando à base de Trevor na Espanha. Mas muita coisa mudou em quatro anos, e Trevor fica surpreso ao descobrir que Brad agora é Shannon. O reencontro não é exatamente o que os dois esperavam, mas rapidamente se reaproximam, ambos aliviados por terem um ao outro de volta.
Só que nem tudo é um mar de rosas. As forças armadas são um mundo pequeno e não há como manter em segredo a transição de Shannon. Os pais alertam os filhos para manterem distância dela. Ela não pode frequentar a escola por medo de assédio ou coisa pior. E embora seus pais tentem esconder isso, ser banidos por seu único círculo social estando a milhares de quilômetros de casa também os está afetando.
Mais e mais, Shannon se apoia em Trevor. Mas ela também está atraída por ele, e ele está atraído por ela também, sentindo coisas que nunca sentiu antes por ninguém.
Trevor está assustado mesmo assim. Não por namorar uma garota trans. Não por prejudicar a carreira ou a reputação do pai capelão. Mas depois de finalmente recuperar a amiga, ele se atreve a levar as coisas adiante e correr o risco de perder Shannon pela segunda vez?

Sobre a autora:

Lauren Gallagher é o alter ego um pouco mais civilizado de L.A. Witt, Ann Gallagher e Lori A. Witt. É o que ela diz a si mesma, de qualquer maneira. Quando ela não está causando estragos na Espanha com seu marido e o confiável touro Brahma de duas cabeças, ela escreve romances como suas colegas mais loucas, mas sem todo o calor. Ela também é madura demais para se envolver na briga mesquinha entre LA e Lauren, mas ela vai se vingar de Lori por um certo incidente que não deve ser discutido publicamente.

Siga a autora nas redes sociais: 

5 comentários:

  1. Eita!!!Tá que a Editora já vinha trazendo novidades,mas agora ela foi bem além!
    Primeiro romance assim com uma pessoa trans. Eu acho que não me recordo de nenhum livro que abordasse esse tema,ainda mais trazendo isso também no universo das Forças Armadas!!
    Isso vai dá o que falar e a gente como leitor, ama!!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante a premissa do livro, acredito que seja pioneiro no gênero aqui no Brasil, ao menos eu ainda não havia visto nada parecido com ele até então. Vai fazer história e abrir portas para outros como ele, sem dúvida. Eu amo romances com uma certa carga dramática, por isso não tem como não querer lê-lo. A capa está belíssima.

    Beijo, Van.

    ResponderExcluir
  3. Leninha!
    Cda vez mais encantada com os lançamentos que a Cherish tem trazido.
    As capas são sempre bem executadas e tornam um atrativo ainda maior.
    Adorei a sinopse.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  4. Olá! Nossa uma baita novidade e sem dúvida vem por aí uma baita história, muita bacana a editora abrir espaço para o tema, vai ser bem interessante poder acompanhar o desenrolar desses dois e ainda mais por está inserido em um ambiente onde a intolerância é ainda maior.

    ResponderExcluir
  5. O que eu mais gostei no livro foi que ele aborda personagens LGBT e o personagem em si não é gay. Deixa eu ser mais específica. Mais de 50% dos livros publicados no Brasil com temática LGBT são com personagens gays e uma porcentagem minúscula é sobre personagens não binários,pansexuais, assexuais e transexuais e só por isso eu com certeza vou ler esse livro assim que lançar

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos serão respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos