Em Cartaz – Um Amor de Filme: Highlander - O Guerreiro Imortal

É claro que eu não poderia deixar de fora da coluna Em Cartaz – Um Amor de Filme, essa obra de arte no quesito fotografia, cenário e história inesquecível, estou falando de: Highlander - O Guerreiro Imortal. Devo confessar que foi assistindo a esse filme que começou meu amor pelos Higlander's, pela Escócia e pelas histórias passadas na era medieval.

Eu tenho uma quedinha por histórias entre clãs, lutas por territórios e amores selvagens e apaixonantes, e esse filme retrata bem mais do que isso. Ele conta a história de Connor MacLeod, um imortal guerreiro escocês do século XVI, que é doutrinado pelo também imortal Juan Sanchez Villa-Lobos Ramirez (Sean Connery) em como combater (e se defender de) outros imortais, para não perder, literalmente, a sua cabeça, pois ao último imortal um prêmio estaria reservado. 

O filme é de 1986 e traz Christopher Lambert em uma de suas melhores performances, sem falar do brilho do maravilhoso Sean Connery. Os dois usando kilts são de deixar qualquer adolescente morta de paixão. (Abafa o caso)

O filme se passa em duas épocas: a atual, no ano de 1986, e a do tempo em que o guerreiro escocês Connor MacLeod se tornou imortal, a partir de 1536. Ele é ferido mortalmente por Kurgan em uma batalha e misteriosamente ressuscita. Seus amigos e parentes (do clã MacLeod) passam a vê-lo como um feiticeiro e o expulsam da vila onde ele nasceu. Anos mais tarde, casado com Heather e vivendo em um dos castelos típicos da região das Highlands, ele é encontrado por Juan Sanchez Villa-Lobos Ramirez, um imortal de dois mil anos de idade. Ramirez o ensina a viver e a lutar como um imortal. O jogo em que eles estão envolvidos exige que os imortais lutem até a morte em busca de um prêmio que será dado ao último que restar. A única maneira de matar um imortal é cortar sua cabeça, portanto eles precisam se aperfeiçoar no combate com espadas.

O filme fez grande sucesso e deu origem a várias continuações e séries de TV. As filmagens ocorreram em Nova York, na Escócia e em Londres. A banda Queen foi chamada para colaborar na trilha sonora, com seis canções originai. A música mais notável é "Who Wants to Live Forever", escrita pelo guitarrista Brian May que a compôs ao voltar para casa após assistir uma versão inacabada do filme. Perfeição define!

Eu amo esse filme, e super recomendo. Se você ainda não viu não sabe o que está perdendo.

10 comentários:

  1. Ola
    Otima indicaçao de filme
    Dias atras estava procurando filmes medievais para assistir
    Achei alguns e hoje voce traz esse belo filme com o tudo de bom do Christopper Lambert !!
    Tambem tenho uma queda por filmes com disputas de clas e aqueles romamces arrebatadores selvagens cheio de paixâo ai ai rsrs
    Obrigada por trazer mais essa otima dica de filme que merece sim ser revisto
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se prepare que esse filme é bem mais que uma história que se passa na era medieval, você vai amar todo o enredo.
      Depois me conta!
      Bjs

      Excluir
  2. Agora tô em dúvida aqui 🤔 não sei mesmo se já assisti este filme, lendo a resenha lembrei de alguns detalhes, mas pode ser por ter escutado falar, já que é um história famosa... Acho que somente assistindo mesmo para tirar a dúvida. Eu gosto bastante do fato de se passar em duas épocas distintas. 😘

    Van Meiser.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode acontecer de você ter visto e esquecido, ou também de ter ouvido falar, mas na dúvida assista. Você vai adorar rever ou ver pela primeira vez.
      Beijos!

      Excluir
  3. Lá vem ela deixa o meu coração feliz, feliz!rs
    Esse filme marcou tanto minha vida de amante de cinema. Não sei se por ver Connery e Lambert em atuações maravilhosas ou se foi todo o cenário que me fazia viajar nas paisagens ou a trilha sonora!rs
    Queen é minha banda favorita no mundo todo(já pedi para uma amiga até tocar só ela no meu funeral, sim eu sou doida)
    Mas é um filme atemporal. Não gostei das sequências.rs Sei lá, queria que tivesse ficado só no primeiro filme.
    Teria sido mais gostoso pensar nesse filme!
    Super recomendo e oh, obrigada por me fazer sorrir!!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro deixar corações felizes, assim como o meu fica quando escrevo para essa coluna. São sempre belas recordações.
      As músicas do Queen marcaram gerações, e ficaram para sempre nas lembranças de um passado muito bom, e esse filme é pura nostalgia nesse quesito.
      Eu nem perdi meu tempo assistindo as sequencias e nem a série, bom de filme é filme único.
      Beijos!

      Excluir
  4. Leninha!
    Pelo visto nossas histórias são semelhantes, porque também comecei a amar os Highlander e a Escócia por causa desse filme.
    Amo Christopher Lambert e Sean Conery, meu amado desde há muito. Sem contar que Queen é minha banda favorita de todos os tempos, não tem então como esse filme não ter um significado imenso para mim.
    Gratidão por me fazer recordar.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom saber que temos tanto em comum, Rudy.
      De nada, foi um prazer trazer esse filme para o blog.
      Beijos!

      Excluir
  5. Olá! Confesso que também sou apaixonada pelas histórias de Highlander e a Escócia, mas não graças a esse filme (risos), me deparei com mais uma indicação da qual eu ainda não tinha ouvido falar, mas que já fiquei bem interessada (para variar). O que eu mais gosto de assistir filmes mais antigos é perceber que temos muita coisa boa e que nem todo mundo sabe, tem acesso, por isso, essa é uma das minhas colunas favoritas aqui do blog.

    ResponderExcluir
  6. esse filme me decepcionou muito principalmente por ter me apresentado o Connor mesmo na vida real não tem um boi no bafo como esse kkk. Piadinhas a parte o filme é bastante interessante e eu gosto muito de assistir filmes de época e históricos se eu puder te indicar uma trilogia de filmes históricos surpreendente bons seria a trilogia de filmes baseados na vida da Imperatriz Sissi. Os filmes facilmente são encontrados gratuitos no YouTube e passei, eles também possuem nos filmes dublados ponto final espera poder ver a resenha dos filmes no blog em breve

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos serão respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos