Em Cartaz – Um Amor de Filme: Em algum lugar do passado

E voltando a nossa programação normal, hoje eu trago para apresentar para vocês mais um clássico do cinema, daqueles de cortar o coração e que deixou milhares de pessoas apaixonadas, tanto na época em que o filme foi produzido, 1979, quando a quem assiste nos dias de hoje.

Por incrível que parece o filme não foi aclamado pela crítica, na verdade foi bem hostilizado por abordar o tema viagem no tempo de forma completamente diferente do que já havia sido feito. O filme com certeza quebrou paradigmas por ser uma tragédia amorosa, melodramática, o que o tornou um novo clássico e um fenômeno Cult. 

A história se inicia em 1972 quando o jovem dramaturgo Richard Collier é abordado por uma mulher idosa e misteriosa que entrega a ela um relógio de bolso antigo e implora: “Volte para mim!”. Sem entende nada, Richard fica intrigado, mas segue sua vida.

Alguns anos depois ele se encontra hospedado no clássico Grand Hotel e ao transitar pelo museu da história do lugar se depara com uma fotografia de uma linda mulher chamada Elise McKenna.
Impressionado com a beleza daquele rosto ele empreende uma pesquisa sobre viagem no tempo, ele precisa conhecer aquela mulher, descobrir que segredos ela esconde e o que o liga a ela com uma força tão impressionante.

Agora a pergunta que não quer calar: existe amor maior do que aquele que atravessa a barreira do tempo e do espaço para se concretizar?! A resposta é obvia: Assista o filme. Prepare-se para ficar impressionado com tanta poesia, com um amor que tudo suporta, num cenário lindamente elaborado, com músicas que embalam até hoje os corações apaixonados.

Tô melosa, não é! Mas não é para menos. Esse filme faz parte da minha história, depois de assistí-lo eu passei a acreditar ainda mais na força de um amor, amor de almas gêmeas, tanto que escolhi o tema do filme Rachmaninoff Rhapsody para ser a música do meu casamento. Isso mesmo, eu adentrei a igreja ao som dessa canção ao piano. Perdoe-me, sou uma eterna apaixonada.

Então fica aí minha dica de mais um filme que marcou gerações. Se você nunca o viu, não perca essa chance. 
Ah, ele vai passar quinta feira dia 17/01, às 22h00min e sábado 19/01 às 17h45min no Telecine Cult. Anote na sua agenda.

Ouça a música e curta um pouquinho do filme.

6 comentários:

  1. ola LENINHA .primeiramente não se desculpe por ser uma romantica ,uma eterna apaixinada EU TAMBEM sou romantica SOMOS ROMANTICAS E seremos SEMPRE ROMANTICA. EM SEGUNDO LUGAR ADOREI mais uma doca de filmes assim pois não se fazem mais filmes como antigamente
    COMO sinto falta de filmes que nos arrebatam que nos fazem sonhar e suspirar QUE MOSTRA A AMOR COMO UMA FORÇA MAIOR QUE TUDO .
    E QUE LINDO deve ter sido o seu casamento ao som dessa belissima musica OBRIGADA POR compartilhar .obrigada pela dica
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Filmes assim não existem mais, uma pena, de verdade.
      Meu casamento foi lindo, troquei a marcha nupcial pelo tema de Somewhere in Time, foi lindo.
      Bjs Eliane.

      Excluir
  2. Ahhhh..aguenta coração!
    O velho Superman neste clássico é maravilhoso.
    Aliás, este filme é todo perfeito. Fotografia, interpretações, atores, trilha sonora.
    E até hoje ainda aparece na lista dos filmes mais apaixonados de todos os tempos, e olha, ele tem décadas desde sua estréia!
    Super dica e adorei saber que fez sua entrada neste momento especial com uma canção que ficará marcada eternamente, pelo filme e para vocês!!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Devo confessar que Christopher Reeve foi meu Crush por anos, passando por Somewhere in Time, dando uma volta pelo Superman e por aí vai, rsrsrs
      Quanto ao casamento, que graças a Deus estamos juntos até hoje, (26 anos já) foi lindo.
      Bjs

      Excluir
  3. Leninha!
    Já assisti 483725242163859678 de vezes esse filme. Toda vez que passa em algum lugar e vejo, marco para assistir.
    Acho um filme tão apaixonante, sem contar que amo o meu eterno 'superman' e sempre bom revê-lo em papel tão diferente.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então somos duas, assisto toda vez que passa na TV, abeta ou paga. Fora que ainda tenho o DVD e vejo quando sinto vontade, rsrsrs
      Bjs

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos