Terceiro Reich: Na história e na memória – Richard J. Evans

Richard J. Evans é considerado por vários historiadores, como a maior autoridade sobre nazismo no mundo. É o mesmo autor da melhor trilogia sobre o assunto - a mais importante já escrita - A chegada do Terceiro Reich, O Terceiro Reich no Poder e O Terceiro Reich em Guerra. É inglês, de Londres, nascido em 1947, Foi professor de história na Universidade Columbia e na Universidade de Londres. Atualmente leciona história moderna na Universidade de Cambridge. 

Agora ele nos presenteia com uma obra magnífica que influi diretamente sobre o nosso entendimento sobre o assunto em questão. A obra consiste em uma coletânea de textos e ensaios que o autor escreveu durante vários anos de sua extensa pesquisa pessoal. Nos mostra o quanto o mundo se transformou após o ocorrido. 

Suas consequências empresariais, científicas, ações e etc. Mostra que o holocausto não foi um fato isolado na história alemã, e que casos semelhantes ocorreram em outros países em épocas diversas. Belga no Congo, Francesa na Argélia e italiana na Etiópia. 

Bastante abrangente, se inicia muito antes da existência da concepção do partido NAZI, mostra suas raízes mais longínquas e diversas. A luta ética que os judeus já travavam décadas antes do holocausto. Mostra origens, não só militares e políticas. Passando até mesmo por estudos médicos sobre a sanidade mental de Hitler. Questionando se ele era ou não um louco, ou se suas ações foram simplesmente pura maldade. 

Estudos sobre como os nazistas conduziram a economia de todo o movimento. Suas vitórias e os erros que o conduziram ao declínio. Como foram suas batalhas, vistas por dentro de todo o movimento. E após a derrota, a debandada de empresários e todos os envolvidos e as consequências históricas decorrentes.

Devido ao fato de ser todo ele, o livro, constituído por textos separados, o torna de fácil leitura e compreensão. E sua amplitude no assunto vai muito além de um simples relato pessoal. Toca em casos polêmicos, discutíveis, mas, interessantes. O que certamente leva historiadores especialistas a uma certa discordância. 

Talvez! Não trata apenas de uma visão unilateralmente militar. Mas abrange, se estende, também a campos como socialismo, invade culturas e economias e religiosidade.
A produção, mais uma vez, é de um nível muito alto. O que segue a linha da editora Crítica com obras semelhantes. Um livro de capa dura, formato 16x23cm, 496 páginas com um design e tipologia bastante agradáveis.

Para os interessados no assunto, considero mais uma obra imperdível. De vários, eis uma que trata com extrema sobriedade e embasado em pesquisas de respeito mundial.

A história é algo vivo, que vai instigando pesquisadores com o passar do tempo. Toda a compreensão que temos a respeito do passado, vai se globalizando cada vez mais a cada ano. E obras como esta do Richard J. Evans, tornam-se primordiais para nossa reflexão sobre nossa própria existência e nos provoca sobre a visão de um futuro mais humano e igualitário.


Maurício Bastos Jr nascido em 1972, veio morar em Brasília em 1980.
Hoje, artista plástico formado pela UNB, ilustrador e escritor nas horas vagas. Com dezoito anos, trabalhou na editora Thesaurus (DF) como arte-finalista e ilustrador. Montou, ilustrou e finalizou livros de vários escritores de Brasília. Conviveu diretamente com diversos poetas, romancistas e jornalistas que transitavam pelo setor gráfico de Brasília pelos anos noventa.  Foi publicitário por diversos anos. Trabalhando para clientes como BB, Caixa, Correio Brasiliense, VW, Fiat, entre muitos outros. Tocou em bandas de rock, fez exposições, colaborou com capas, vídeos e animações.  Respira literatura, arte e cinema. Ama a criação livre de preconceitos e sonha com dias melhores onde a arte (literatura, plásticas, musicais e cênicas) seja vista como prioridade social.

4 comentários:

  1. Estava lendo ou melhor, ouvindo sobre este livro hoje de manhã. Sobre todo o trabalho do autor em revirar a história e trazer um enredo completo, sem pontas soltas,mas que de alguma maneira, jogasse realmente o leitor na história.
    Esse mergulho no passado, não na visão dos livros sobre a Segunda Guerra que mostram as dores dos judeus, mas sim, trazendo algo inovador e mesmo assim, mostrando toda a crueldade deste período negro da nossa história.
    Que sim, precisa continuar sendo falado, escrito e visto por todos nós.
    A maldade humana está aí.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Olá Maurício,
    Eu sempre achei interessante conhecer mais sobre a época de Hitler e tudo o que aconteceu, não tenho dúvidas que o nazismo mudou muito o mundo, e até hoje deve se refletir sobre isso!
    Pelo que percebi é uma obra bem completa, e todos deveriam ler para entender a gravidade dos ocorridos, e claro, entender também que foi algo muito maior do que imaginamos!
    Me interessei demais pela obra!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. É estranho dizer isso mas desde pequena Eu sempre tive uma certa paixão por livros que eram narrados durante a segunda guerra mundial especialmente no Holocausto é um pouco estranho se você parar para analisar porque o contexto da Guerra me chamava atenção mas hoje em dia eu parei para analisar isso e como futura psicóloga que eu sou eu gosto de estudar a mente humana e como ela conseguiu influenciar em fatos históricos Hitler era realmente uma pessoa com alta capacidade intelectual e conseguirá manipular massas e eu gostava de ver isso em como ele conseguiu manipular o povo alemão e também gostava de ver sobre como as minorias especialmente dos judeus em campos de concentração se comportavam nesse período e como eles lidavam com o que estava acontecendo. Livros como A Menina que Roubava Livro O Menino do Pijama Listrado, depois de Auschwitz, Sonata em Auschwitz a bibliotecária de Auschwitz, e a costureira de Dachau São os exemplos de livros assim que são pesados mais me encanta profundamente

    ResponderExcluir
  4. Oi Mauricio!
    Quando se trata de Hitler, eu tenho curiosidade mto grande de conhecer, acho de extrema importância obter mais informações daquela época, vou anotar essa dica.
    Bjs!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos