Sempre Haverá Você - Heather Butler

A mãe do George e do Theo é genial. Ela conta histórias incríveis, acena mais rápido do que qualquer pessoa do planeta e, o mais importante, foi ela que sugeriu que eles adotassem um cachorro porcalhão chamado Goffo. Os meninos acham que ela é invencível. Mas eles estão errados. Porque a mamãe está doente. E cabe ao George e ao Theo fazer a mamãe continuar sorrindo. O que, muito provavelmente, vai envolver galochas, tortas de carne e a participação do Goffo no Concurso de Talento Animal...
Agora que a mamãe ficou doente, está cada vez mais difícil sorrir e inventar versos com o Theo. Sempre haverá você conta sobre uma família diferente da sua, mas um pouquinho parecida. E de um menino que está aprendendo algumas coisas. Você quer ser amigo dele?

Butler, Heather. Sempre Haverá Você. Tradução: Denise Tavares Gonçalves. Ribeirão Preto, SP: Editora Novo Conceito, 2017. 256p. Título original: Us Minus Mum.

Como não se emocionar com um livro contado pelos olhos de uma criança, e de uma maneira tão singela?!
Numa leitura leve, quase infantil, temos a história de George, um garoto que nos conta seu dia a dia de forma simples, com uma ternura sem par. Não consigo me expressar para descrever o quanto gostei, me emocionei, sorri e chorei com essa história.

Temos aqui um garoto de apenas 10 anos que ama sua família, seus amigos e seu cachorro. Suas palavras preferidas ele escreve em negrito, e as palavras que ele não gosta escreve em letras pequenas, e assim ele vai narrando com simplicidade seus dias na escola, suas aventuras, suas brincadeiras com seu irmão e seu cachorro Goffo, e também sobre seu maior medo: a doença que acomete sua mãe.

Sempre que pego um livro que tem um cão como personagem eu já me previno, sei que sentirei emoções que serão difíceis de conter, mas nada me preparou para a aventura que é a amizade entre George, Theo e Goffo, num lar que transborda amor. Não tem como não se envolver com a escrita simples e diferente de Heather Butler, que me agradou de forma única.

Não quero contar mais sobre o enredo porque assim corro o risco de soltar um spoiler, e isso não seria bom para ninguém, então decidi me ater a outras coisas que pode atrair você — leitor dessa resenha —, para essa história tão fofa.

Sempre Haverá Você nos pega pela mão e nos leva por suas páginas destacando os sentimentos de uma criança que tem que conviver com o drama da doença da mãe, e as mudanças de sua rotina, sempre com uma leveza que faz o leitor se sentir preso.
A autora aborda um tema bastante complexo e forte de uma maneira que nos faz sofrer junto a George, e imaginar o quanto será difícil conviver com a verdade dos fatos que o cercam. E ao final da narrativa ela nos dá uma lição de amizade, companheirismo, mas acima de tudo de um amor incondicional.

O livro me emocionou muito. Com uma narrativa despretensiosa a autora nos conduz e nos envolve com uma leitura que pode ser feita em poucas horas, e mesmo com sua simplicidade, marca, e deixa aquela vontade de dar abraços, fazer carinhos em quem se ama, mas acima de tudo de dizer Eu te amo para nossos entes mais queridos.

Recomendo a leitura com a certeza de que você vai se emocionar assim como eu, sem em nenhum momento se sentir aviltado pelo que a história nos traz. Leia e deixe o coração com a leveza de quem encontra uma criança para chamar de amigo.


2 comentários:

  1. Ai Leninha!
    Livros com crianças e animais sempre tocam meu coração e aqui ainda tem o drama da doença da mãe, eles terão de aprender a amadurecer antes do tempo e passarem por essa fase dolorosa. O bom é que a amizade entre eles, pode ser o elo de ligação para superação.
    “A sabedoria dos homens é proporcional não à sua experiência mas à sua capacidade de adquirir experiência.” (George Bernard Shaw)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o livro é tão doce, Rudy, que passa muito mais do que apenas uma história simples de amizade. Eu ainda não me recuperei dessa leitura tão singela.
      Bjs

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos