Mais que uma Escolha - Bruna Longobucco

Sara é filha de pais separados. A mãe, Maria, é uma mulher ambiciosa e sem escrúpulos. Seu pai, Almir, é um fazendeiro rico e tacanho. Não consegue lidar com a filha e a associa à ex-mulher, por quem sente profunda mágoa, o que forma um abismo entre eles. Por imposição da mãe, Sara de repente é forçada a largar a faculdade e a cidade onde vive para passar um tempo na fazenda do pai, no interior de Minas Gerais. E lá ela se envolve com Caio, o jovem administrador das terras com quem Almir tem uma forte ligação. Antes que a razão possa se manifestar, nasce ali um amor forte e incontrolável. Porém, uma série de enganos e contratempos acaba por separar o casal.
O tempo passa. Sara se torna uma profissional realizada, tem um filho de 5 anos e muitas contas para acertar com o pai e o ex-marido. Quando conclui sua Residência em Medicina Veterinária ela decide que chegou a hora de enfrentar o passado e sua volta intempestiva vai surpreender a todos que vivem na Fazenda Fivela de Ouro.
O que ela não sabe é que ainda existe alguém capaz de tudo para impedir que ela se aproxime de Caio.
Mais que uma escolha é um romance envolvente e cheio de conflitos. Uma história de desencontros, suspense e paixão.

Como vocês podem perceber, ultimamente ando lendo muitos livros de autores nacionais, e quero ressaltar que estou cada vez mais feliz com todas as emoções que eles tem me proporcionado. São sempre ótimas leituras, regadas com bom humor, com pegada, aventura, mistério, suspense e claro, muito romance. E a leitura de Mais que uma Escolha não podia ter sido diferente. Mais uma vez Bruna Longobucco nos brinca com uma narrativa simples, fluida, inteligente, objetiva e com todas as pontas muito bem presas e que ela vai soltando aos poucos, deixando o leitor refém de sua trama.

Temos aqui um romance com um cenário ruralista, um peão e a filha do patrão se envolvendo e sendo separados pelas diferenças, pelas artimanhas de pessoas más ou quem sabe, pelo destino. Mas a história é muito mais do que vemos na sinopse, e vale à pena descobrir a cada página virada uma nova nuance, um personagem cativante, uma maldade sendo elaborada, uma decepção e todo o amor existente entre os protagonistas.

Sara sempre se sentiu menosprezada pela família, a relação entre seus pais acabou e a deixou entre dois mundos distintos, e ambos a excluem de forma que, segurança, afeto e amor filial são sentimentos com os quais ela nunca teve familiaridade. Não é para menos que ela é a revolta em pessoa. Quando conhece Caio ela é apenas uma criança, mas com o tempo e depois de um reencontro quando já adultos, ela sente que ali pode encontrar afeto, carinho, um ombro amigo e finalmente o amor que nunca conheceu.

Mas as diferenças, as intrigas e as dificuldades do relacionamento acabam por separá-los. Os anos passam e apesar de tudo que aconteceu, ambos são jogados novamente no destino um do outro, e terão que se acertar ou decidir a separação definitivamente. Mas tem muita farinha nesse angu, muito sentimento misturado e muita gente à espreita, que fará de tudo para que eles se mantenham assim, separados.

Sou suspeita em falar dos livros da Bruna, pois todos os que li eu amei de paixão. Quem já leu os livros dela consegue perceber que ela tem uma linha de escrita singular, encontramos em seus livros uma conexão de pensamento que ela segue à risca, então é fácil notar similaridades. Porém cada um de seus romances é único, apesar de trazerem familiaridades. Bruna sabe onde apertar e onde soltar, sabe que aquilo ali pega e aquele outro ponto segura o leitor, e não dá para largar seus livros sem terminar a leitura. E que grata surpresa são seus finais, aqui em Mais que uma Escolha fica um nó na garganta, um suspense no ar e uma expectativa, que é impossível não se pegar correndo com a leitura para descobrir logo o que irá acontecer, e uffa... Não vou contar mais nada. (Risos)

Acho que não preciso dizer mais nada mesmo, mas fica aqui minha recomendação: leia o livro com a certeza que uma bela história lhe aguarda, toda ela cheia de amor, intrigas, desavenças, amizade, perdão, e um final plausível e condizente com toda a narrativa. 
Eu li, amei e indico a leitura!

23 comentários:

  1. Lena, eu curto muito esse tipo de enredo.

    Nunca li nada dessa autora, mas pela resenha, deu para perceber que é meu tipo de leitura.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza é Juliana. Uma hora você paga um livro da autora e vai tirar a prova, seus enredos são leves porém pegam pela simplicidade e deixa a gente de ler mais e mais.
      Bjs

      Excluir
  2. Qual opinião pode dizer mais sobre um livro e seu autor? Não vejo outra melhor e mais valiosa do que a de quem lê e comenta o gênero com maestria. Leninha, que o "Sem pre Romântica" continue abrindo espaço para o autor nacional e, claro, para o ROMANCE. Super beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela parte que me toca Bruna, mas é difícil não comentar e indicar a leitura de seus livros. Amo sua forma de escrever, amo seus finais, adoro o drama que preenche cada página de seus romances.
      Já quero mais!

      Excluir
  3. Olá Leninha!! Nossa,eu sou uma fã devota de livros de romance,então sua resenha aguçou e muito a minha curiosidade!

    Acredita que quando eu vi só a capa,na divulgação do resultado do sorteio dele,eu achei que fosse um livro com tema sobrenatural (não me pergunte o por quê kkk é cada interpretação que eu tiro kkk) mas ainda bem que existem resenhas para nos dar uma melhor clareza do conteúdo!

    Eu amooo romances que se passam nesse ambiente de fazenda,mais campestre,nos remete á aquele enredo simples e agradável,amo mais ainda se o mocinho for um cowboy (não sei se é o caso mais espero que seja kkk),aí um apaixono de vez kkk!! Sem falar que o tema de reencontro também me atrai,adoro isso,dos mocinhos se reencontrarem quando estão mais maduros,pois podemos comparar a evolução dos sentimentos e da própria personalidade dos protagonistas.

    E claro,sempre têm que ter um vilão,ou pessoas más para atrapalhar o relacionamento do casal...e mesmo que a gente os odeie,é bom ter para dar uma movimentada na trama não é mesmo?!

    Gostei muito da sua resenha,foi simples e objetiva. Vou adicionar na minha estante do Skoob,pois já tinha visto essa sua mesma resenha lá!

    Espero poder acrescentar mais uma autora nacional á lista de favoritos,pois infelizmente só conto com duas na minha cota viu... Tenho que ler mais nacional.

    Enfim,muito sucesso á autora!! Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe que a capa parece sobrenatural mesmo?! Nem tiro sua conclusão como errônea, mas as aparências enganam, não é?!
      Obrigada pela parte que me toca, nada mais natural do que escrever sobre o que gostamos de ler, e Mais que uma Escolha é uma leitura primorosa, vc vai gostar.
      Bjs

      Excluir
  4. Nossa, fiquei com uma tremenda vontade de ler! rsrs
    Não conheço a autora, mas vou procurar mais informações e os livros também. Valeu a dica!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conheça a escrita de Bruna Longobucco e se apaixone. Livros não faltam, ela escreveu vários.
      Bjs

      Excluir
  5. Foi um dos romances que mais gostei de trabalhar e passei horas divertidas enquanto o revisava. Já era fã da autora e fico muito feliz que ainda existe autores que se preocupam em trazer o melhor para o leitor: romances de conteúdo que servem para entreter e nos fazer refletir acerca da vida e a Bruna tem isso de sobra em seus romances.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deve ser um enorme prazer saber que um livros revisado pela gente é tão bem quisto pelo público que lê. Eu adorei a história, mas saber que foi revisado por você Carlinha, uma pessoa tão querida e competente no que faz, é um aval a mais para a leitura.
      Beijo enorme e que bom te ver por aqui.
      Amo vc!

      Excluir
  6. Leninha!
    Tenho lido muitos autores nacionais também e me encanto a cada nova leitura.
    Não li ainda nenhum dos livros da Bruna, tenho a maior curiosidade, principalmente porque são romances e falou que cada um é único.
    “Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la.” (Cícero)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista especial de aniversário em abril: com 6 livros 5 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai amar conhecer mais essa autora nacional tão talentosa, Rudy.
      Não perca mais tempo!
      Bjs

      Excluir
  7. Os livros nacionais estão ocupando espaço na minha estante e nada me deixa mais feliz de que olhar pra ela e ver esse livros lá. Eu confesso que não conhecia a escritora mas tenho que admitir que com sua resenha acho que vale pena dar uma olhada no livro e conferir essa história que na sua resenha só recebeu elogios, quem sabe eu me encanto por essa história também. Ótima resenha ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tenho um cantinho especial para os nacionais na minha estante, muitos deles autografados, o que me deixa ainda mais feliz.
      Que bom que minha resenha te instigou em conhecer a autora, você não vai se arrepender.
      Eu que agradeço pela visita, volte sempre Rissia.

      Excluir
  8. Sou fã dos nossos autores nacionais e fico sempre de olho nos blogs e suas divulgações de livros de autores brasileiros afim de conhecer novos escritores e suas obras; graças a essas divulgações/indicações encontrei cada "achado", aliás, obrigada por me apresentar por meio de seu blog tantos talentos até então desconhecidos para mim, Leninha. Suas dicas são sempre muito bem vindas!!
    Como comentei no post de divulgação de Mais que uma escolha, não resisto a tramas onde os protagonistas tiveram um relacionamento anos atrás, e fico contente em saber que o desenrolar da história é muito mais do que vemos na sinopse.
    Confesso que não entendo as atitudes de personagens como a Sara, por ser menosprezada pela família acaba se tornando uma pessoa revoltada, talvez eu não consiga entender esse tipo de atitude por ter tido sempre o afeto e apoio de minha família, não sei, só sei que é difícil de entender personagens assim...
    Mas, enfim, a trama despertou meu interesse e Mais que uma escolha está na minha lista de leitura desde que li o post de divulgação, mas se ele ainda não tivesse entraria com certeza na lista depois de ler sua resenha, a forma como a Bruna contou sua história - uma narrativa simples, fluida e que não deixa pontas soltas - sem dúvida também me prenderá a leitura.
    Mais uma vez valeu pela dica!
    Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que tenho ajudado na sua busca por talentos nacionais, eu tenho encontrado muita história boa nos nacionais. Fico feliz por você ter ficado interessada na leitura por causa das minhas palavras sobre ele, são todas verdadeiras e vc vai amar a leitura, confie e confira.
      Beijos!

      Excluir
  9. Oi Leninha, não conhecia o livro e pelo que li tem tudo o que um bom livro do gênero deve ter. Nem precisa enfatizar para ler, pois já estou colocando na lista.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  10. Sou totalmente suspeito para falar de Bruna Longobuco. Depois de "Sem Destino", sei que tudo dela me tocará sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com vc EstanteBH, e ainda tem Duas Luas que também é maravilhoso, Uma nova Chance que é uma gracinha e claro, Centúrias que foge um pouco do normal e trata de sobrenatural, mas vale muito à pena ler.
      A autora só tem sucesso!
      Bjs

      Excluir
  11. Também tenho investido bastante nas leituras de livro nacionais, e tenho gostado bastante. Sempre tenho vontade de ler livros que abordam problemas familiárias, seja ele qual for, gostei da forma como a autora aborda esse tema no livro, além de mostra como isso influência a personagens em suas atitudes, e isso acaba por atrapalhar o relacionamento dela, por causa de suas diferenças e intrigas, realmente essa trama ao meu ver me pareceu ser bem envolvente e cativante, já anotei essa dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os autores nacionais estão bombando com suas histórias cada vez mais envolventes. Sempre leio nacionais e nunca me arrependi. Espero que vc curta a leitura Lana.
      Bjs

      Excluir
  12. Olá, Leninha!

    Mais uma escolha talvez não seja meu tipo de história. Confesso que não aguento ver nos livros tanta gente tramando para separar um casal, pois sou daquela que parte direto para ação e faz de tudo para defende-los, mesmo que o livro acabe na página 50 por causa disso.
    Mas mesmo assim, e como eu já tinha falado quando você divulgou esse livro em março, para quem gosta de livros com muita emoção e que quer torcer para o casal até o fim, a Bruna fez o livro perfeito. Acho que vai ter gente chorando após acabar a leitura e, esperamos, com o final feliz para Sara e Caio.

    Um abraço!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos