Volta para mim - Mila Gray

Kit Ryan está de volta à sua amada Califórnia, de folga do serviço militar. Conquistador inveterado, ele só quer aproveitar as quatro semanas livres antes de retornar ao trabalho, mas se vê atraído pela irmã de Riley, seu melhor amigo. Há tempos Jessa Kingsley chama sua atenção, porém a família superprotetora dela sempre foi um obstáculo. 
Desta vez, contudo, Kit desiste de lutar contra os próprios sentimentos e logo Jessa se rende ao seu charme. O que começa apenas como um romance de verão rapidamente se torna um relacionamento apaixonado. 
Quando chega a hora de Kit voltar ao serviço com Riley, nem ele nem Jessa estão prontos para se despedir. Ela enfim está seguindo os seus sonhos e ele descobriu alguém por quem sacrificaria tudo. Jessa promete esperá-lo e Kit garante que voltará para ela. Não importa o que aconteça.
Mas então uma visita inesperada traz uma notícia trágica: uma das pessoas que ela mais ama morreu em serviço. Quem terá sido? Seu irmão ou seu namorado?

Sabe quando você inicia a leitura de um livro cuja sinopse te dá uma ideia quase completa do que vai acontecer, e fica apenas uma dúvida no ar?! Aí você pensa: certo, então basta apenas eu olhar lá no meio do livro que eu descubro a resposta e pronto, mistério desvendado. Pode parecer fácil assim, mas aí você lê a sinopse, começa a apreciar a narrativa e se envolve de tal maneira na história que não quer chegar à conclusão, não quer saber a resposta, porque você sabe que desse ponto em diante tudo irá mudar, o que é belo vai ser marcado pela tragédia, e com certeza vai deixar a narrativa densa e difícil de engolir, tamanho o nó na garganta.

Pois é, não se engane achando que uma sinopse pode estragar uma leitura, há muito a se descobrir até o ponto crucial da história e posso garantir, em Volta para mim vale a pena ler cada página.

Temos aqui a história de três amigos: Riley, Jessa e Kit. Eles se conhecem desde a infância e nutrem um apreço enorme um pelo outro. Riley parece ser daquele tipo que segue os passos do amigo Kit, mas ao longo da narrativa você percebe que não, que ele tem uma personalidade cativante e forte, capaz de tomar suas próprias decisões. Kit é apaixonado pela irmã do amigo, Jessa, mas ele acredita que jamais será possível concretizar o sonho de estar ao seu lado, por diversos motivos. Primeiro, porque ele é conhecido como um pegador e Riley jamais irá aceitar que ele fique com sua inocente irmã; segundo, porque o pai de Jessa o odeia, sem motivos aparentes, simplesmente não suporta sua presença. E, por último, porque ele acredita que nunca será correspondido.

Não sabe ele, que Jessa nutre uma paixão por ele desde que se conhece por gente, mas sabe que ele jamais olhará para ela com o mesmo amor. Já Riley nem desconfia dos sentimentos de sua irmã e amigo, e segue “jiboiando” até quase a metade da história. (Risos)

Um romance leve, sensual, onde descobrir o amor e os laços que unem os protagonistas é o ponto forte da trama. Mas Kit e Riley estão apenas de folga do trabalho, e esse trabalho perigoso dita as regras do destino de ambos, afastando-os de seus entes queridos, talvez para sempre.

Eu não conhecia a escrita de Mila Gray, mas ao ler a sinopse desse livro eu já sabia que era para mim. Eu tive bastante receio de que a história perdesse a graça porque a sinopse dizia tanto sobre o que iria acontecer, mas foi bastante prazeroso chegar até o cume da narrativa e vê-la seguir daí em diante.

Em nenhum momento me preparei para o tamanho do drama e toda a proporção que ele rendeu durante a leitura, só pode frisar que foi uma história que me deu bastante prazer em conhecer, me emocionar, chorar e ver os personagens caídos se reerguendo aos poucos.

Gostei muito da história e vou ficar de olho nos próximos livros dessa autora, quero ler mais seus romances para poder torná-la uma queridinha da minha lista. Adoro novas autoras, adoro apreciar um texto bem escrito, adoro livros que mexem com meus sentimentos, adorei Volta para mim e recomendo a leitura.

8 comentários:

  1. Leninha!
    Um romance carregado de drama é tudo de bom e estimula a leitura, não é?
    Vou pesquisar para ler.
    “A bondade deve estar ligada ao saber. A simples bondade pouco adianta; é o que tenho constatado.” (Mahatma Gandhi)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de março com 4 livros 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Desde que li a sinopse desse livro já pensei comigo que eu iria sofre junto com a personagem, e iria me sentir parte do que estava se passando na trama, e após ler sua resenha tenho a completa certeza que vou me apaixonar por esse livro. Quanto mais drama e romance, melhor e uma livro, e vejo que a autora soube direitinho soltar a um spoiler do que ia acontecer na trama, mas ao mesmo tempo conseguiu com essa revelação prender o leitor até o final da história. Estou super ansiosa por essa leitura!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Leninha!
    Que bom que o desenvolvimento da história foi melhor do que você esperava devido ao seu receio em relação as muitas informações divulgadas na sinopse de Volta para mim. Quando vi a divulgação de lançamento de Volta para mim de cara o desejei, ele é o meu mega desejado desse mês pois só em ler sua sinopse ele me conquistou, e essa capa linda então?! Nem se fala...
    O amor do Kit e da Jessa foi o que mais me chamou a atenção, mas fico contente que a história aborde também a amizade e a família.
    Enfim, amei a resenha, me deixou com mais vontade de ler o livro!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Olá, Leninha!

    Acho que dá para dizer que a Mila Grey é uma Nicholas Sparks de saia um pouco mais apimentada. Volta para Mim tem o drama, dor, superação e morte que os livros do Sparks tem, mas tem um toque a mais de erotismo, mas sem perder o senso da história. Se não, nem a capa teria a ver com o livro.
    Ah, e esse livro prova que a sinopse pode até entregar grande parte da história, mas só a leitura vai dar o verdadeiro prazer dessa trama.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A escrita é bem diferente do Tio Nick, mas até dá para pensar nele em algumas partes, rsrsr
      Quanto a seu comentário sobre a sinopse, esse livro é prova disso.
      Bjs

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos