Como eu era antes de você - Jojo Moyes

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade - um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas - e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário.

Um livro pode ser lido sob várias perspectivas: uns entram na leitura totalmente alheios ao que lhe espera; outros sabem que as emoções serão pungentes e mesmo assim entram cheios de expectativas; e tem os que entram já imaginando o final, totalmente convictos que irão gostar, porém sem muitas expectativas. Essa última opção sou eu iniciando a leitura de Como eu era antes de você.

Ganhei esse livro em 2013 de uma amiga querida e desde então venho protelando a leitura, apesar da insistência de outra amiga para que eu lesse imediatamente. Já se vão três anos e agora que o filme, baseado no livro, se avizinha, decidi ler. Porém eu já esperava tudo que iria acontecer na leitura, por isso não foi surpresa eu sentir tão poucas emoções e nem mesmo chorar no final.

Admito que o livro é lindo. Amei conhecer a doce Clark (como Will a chama durante toda a narrativa), simpatizei com Will logo de cara e pude sentir toda a sua dor pelo estado em que se encontra, apesar de senti-lo um tanto quanto egoísta, gostei da família de Lou e até mesmo dos pais de Will. Cada personagem tem sua função específica na narrativa e a autora soube dar vida a cada um deles com perfeição.

Vou me ater apenas ao que senti durante a leitura, sem entrar muito nos detalhes da trama, já que todos já devem saber de cor e salteado o que esperar do livro.

O prólogo foi um choque no leitor, deu para conhecer o Will ativo, dinâmico, ágil, e vislumbrar o fato que o levou a estar, dois anos depois, em uma cadeira de rodas. Logo após conhecemos Louisa, uma jovem de 27 anos sem perspectiva de futuro, acomodada, que aceita que sua vida seja apenas ir de manhã para o café onde trabalha e morar num cubículo de quarto, para não atrapalhar sua irmã de ocupar o quarto maior com seu filho.

Mas Lou perde o emprego e sua irmã decide estudar. Eis que sua única maneira de ajudar nas despesas da casa, agora que a situação ficou crítica, é aceitando o emprego de cuidadora de um deficiente físico, no caso, Will.

Dado o momento em que se encontram é notável que ambos são pessoas que necessitavam da presença um do outro. Lou cresce muito no convívio com Will e ele por sua vez passa a ver o mundo com mais cor, literalmente.

Essa foi minha primeira experiência em um livro de Jojo Moyes, e afirmo que não será a última, a mulher escreve muito bem, sabe levar o leitor junto dos personagens e mostrar que com a leitura de um livro se pode aprender muito, e com Como eu era antes de você se aprende que viver é preciso, mas que cada um sabe até onde pode ir.

Apesar de ter gostado muito do livro eu não me emocionei a ponto de chorar como eu gosto, quando leio um drama. E aqui temos um super drama com um final de cortar o coração. Até comentei com minha amiga que eu acho que meu sensor de emoções deve ter quebrado, eu devo estar com defeito. Como pode eu não ter me acabado de chorar com toda essa história?! Tá certo, acho devo ir ao médico, ou então voltar a ler Nicholas Sparks. (Risos)

Como eu era antes de você é uma leitura que precisa ser feita por quem gosta de histórias tristes e sofríveis e que trazem uma bela lição no final, mas quero dar uma dica: não leia nada antes sobre o livro, nenhuma avaliação feita no Skoob, nenhuma resenha mais profunda (por mais difícil que isso possa ser). A única coisa que pode acontecer, caso leia, é você ficar como eu, sem saber o porquê do meu sensor não ter ativado minhas lágrimas.

Para finalizar essa resenha e só para constar, Jojo Moyes acaba de entrar no rol das minhas autoras preferidas, ela tem uma escrita primorosa e escreve com muito sentimento. Sua história toca e emociona, sua narrativa prende desde a primeira página e com aquele final, ela destroça qualquer coração.

Se entregue de coração à leitura de Como eu era antes de você e não deixe de assistir o filme depois para comparar as similaridades e as diferenças. Eu farei isso para ver se o filme terá o poder ativador de lágrimas, rsrsrs.

Nota mental: Mandar verificar o defeito do meu sensor de emoções.

22 comentários:

  1. Amei sua resenha.
    Achei que era a única pessoa incapaz de chorar com esse livro.
    Entretanto, não achei a escrita com muita emoção, ou eu que sabia exatamente tudo que aconteceria, e não me tocou.
    Mas ela sabe narrar bem demais a história.
    Fiquei triste quando acabou e não chorei kkkkk
    Resenha maravilhosa.
    Bjux

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Babi, entrei no grupo das que não choraram com esse livro, e olha que descobri muitas dessas almas raras.
      Eu achei a escrita da autora emocional, mas cada um tem uma visão disso não é?!
      Obrigada pelo elogio e volte sempre!
      Bjs

      Excluir
  2. Oi Leninha, então, como eu te falei, ainda não li nenhum livro da autora, tenho este em e-book e um outro aqui que veio de troca, mas ainda não consegui pegá-los. Eu não sou muito chorona, mas gosto quando um livro consegue me fazer lacrimejar, hehe. Se este não te fez chorar, acredito que não me fará também (levando em consideração que vc é um tanto mais romântica que eu, rsrs). Vamos ver se leio o e-book mesmo pois, já estou ficando como um "peixe fora d'água".

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gente é bem parecida nos gostos né Van? Capas que você não chore também, mas nem é porque estamos "quebradas", acredito que seja por saber tanto sobre a história, aí fica difícil emocionar.
      Depois quero saber sua opinião.
      Bjs

      Excluir
  3. Ei Lena

    Eu amo esse livro! Quando li não sabia nada sobre ele, não costumo ler sinopse. E chorei litros. Como assim vc não chorou? rsrs
    E não acredito que é seu primeiro da Jojo, não pode! kk
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sorte sua não ler sinopse, nem se informar sobre o livro antes. Esse foi meu grande erro. E sim, esse é meu primeiro Jojo, mas como disse na resenha, não será o último.
      Bjs

      Excluir
  4. Eu acho q sou a única que não leu esse livro ainda. Uma boa parte das pessoas que conheço leu e se acabou de chorar e ficou com ressaca hahaha. Acho que vou esperar pelo filme mesmo. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério que você vai assistir antes de ler?! Acho que você é a primeira pessoa que diz que vai fazer isso. Tomara que sua experiência seja boa, depois quero saber.
      Bjs Leila.

      Excluir
    2. Eu fiz isso com A culpa é das estrelas e não me decepcionei. Realmente achei a adaptação e o livro muito bons. Também espero que seja boa. Bjs

      Excluir
  5. esse livro pqp!
    foi um que mais me chocou! eu chorei, mais eu chorei, mais eu chorei! aquele choro de escorrer coriza do nariz e tudo, de soluçar mesmo!
    Jojo criou o enredo de forma a mexer com as minhas emoções de tal forma que eu rezei por um milagre o livro todo! eu queria o final feliz, eu precisava dele pra continuar acreditando que Lou e Will seriam felizes, só que eu não consegui enxergar que a felicidade também é uma escolha e que o que é bom para uns não é para outros
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, pelo jeito você gostou mesmo, chorou tanto assim?!
      A autora realmente sabe escrever, só eu que não me deixei levar tão fundo, acho que eu já não tinha a fé de um milagre.
      Bjs

      Excluir
  6. Amiga! Amei sua resenha! Bem clara e verdadeira. Se fosse a SUA resenha que eu tivesse lido naquela época, de jeito nenhum eu teria pego esse livro pra ler. Afinal, corro de drama. No entanto, a resenha que li só falava super bem do dito cujo! Ou seja, me acabei de tristeza neh? Rsssss um bjo amore

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, mas nunca devemos deixar de ler um livro por que uma pessoa avisou ser um drama, ainda bem que você leu viu?!
      Você é emocional demais, um drama de vez em quando é bom para variar.
      Bjs Fla!

      Excluir
  7. Fico impressionada quando alguém ler esse livro e não chora, eu morri de chorar, chorei tanto que mamãe me tomou o livro, sem exagero rsrs. Eu já tenho um certo conhecimento sobre os livros da Jojo, olha a íntima rsrsrsrs. Amo tudo que ela escreve, super recomendo um mais um, é o livro mais diferente dela, super lindo e fofinho... Lendo no momento Depois de você. .. Já tô morrendo. ..
    Abraços! !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou uma dessas, devo ser levada para estudos, devo ser uma anormal, rsrsrs
      Gostei muito da escrita da autora, tanto que lerei outros de seus livros em breve. Quero ler Depois de Você para ver o que resta para Lou.
      Breve lerei e te digo.
      Bjs

      Excluir
  8. Olá, Leninha!

    Comecei a ler esse livro porque soube que a Jenna Coleman iria fazer a Treena Clark no filme. Como Whovian que sou, fiquei logo curiosa em ver o quao diferente a Treena é da Clara de Doctor Who. É, enquanto todo mundo que não leu o livro (e o que leram também) estão de olho na Daenerys (Emilia Clarke) como a Lou, eu fiquei de olho na companion do Doutor!
    Até agora percebi esse egoísmo do Will e de como a relação entre ele e a Lou se estabelece. Mas devo dizer que em não costumo chorar lendo os livros, mesmo sentindo uma pena enorme dos personagens, porque sei que uma ficção e não tenho como mudar o que ocorre lá. Mas quem sabe, o fato de o final ter se tornado de domínio público agora foi o que fez os seus canais lacrimais não se ativarem na leitura?
    E pelo que vi no Skoob, você já foi para o Tio Nick ver se chora um pouco justo com um livro que virou filme agora! Talvez já seja uma sina ver se o filme faz chorar tanto quanto o livro...

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei curiosa com relação aos atores escolhidos para interpretar Lou, Treena e Will, tomara que eles tenham a química necessária para encantar o público.
      Também senti egoísmo em Will, mas esse egoísmo talvez seja justificável, até porquê só sentindo na pele se pode saber o que ele passa.
      Vamos aguardar o filme, quero muito assistir para comparar.
      Bjs Leti.

      Excluir
  9. Eu queria poder ler antes de ir assistir, mas ja vi que eu não vou conseguir esse feito. Cara eu ainda não li, (óbvio), mas ja vi que vou chorar horrores quando for ler, ja esta na lista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tentar ler Jessica, acho que o filme vai ganhar muito mais emoção do que se vc não ler.
      #Ficadica

      Excluir
  10. Oi Leninha!!! Já peguei esse livro pra comprar várias vezes, mas deixava. Então fui ler as resenhas...kkk não resisti, e vi vários comentários, acho que no momento, mesmo sabendo um monte de coisas, vou chorar...kkk. Então, vou aguardar mais um pouco, e comprar junto com o segundo. Gosto de dramas e histórias envolventes, e pelo que li a escrita da Jojo prende, mas ultimamente tô preferindo leituras mais leves...minha cota de choro com livros já deu por enquanto...kkk. Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando decidir ler algo mais tenso compra esse e leia, vc vai gostar.
      Bjs

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos