[Impressões] Dez coisas que aprendi sobre o amor - Sarah Butler

Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu.
Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?

Minhas Impressões:

Mais uma vez a Editora Novo Conceito agracia seus parceiros com um mimo delicioso: uma degustação do livro Dez Coisas que Aprendi Sobre o Amor. Na verdade apenas um pequeno aperitivo, 28 páginas para aguçar o desejo de leitura, e com uma história que já pela capa e sinopse promete grandes emoções.

Com certeza essa vai ser mais uma história bem dramática que instiga o leitor e que sempre me deixa muito feliz. Foram apenas 28 páginas muito bem apreciadas, lidas com zelo e bastante calma, e já deu para concluir o que se deve esperar desse novo lançamento da Editora Novo Conceito.

Deu para sentir, ao longo de cada novo parágrafo o que a história tem para contar, um drama que vai despertar o leitor para uma lição... Fico na dúvida se é de amor, de reconciliação, ou se é de perdão. Acredito que só mesmo terminando a leitura para descobrir. [óbvio]

Pelo pouco que li deu para sentir a essência dos personagens que me foram apresentados, notei até mesmo um lance poético na escrita de um deles, e o mistério que cerca outro.  Com certeza "Dez Coisas que Aprendi Sobre o Amor" precisa ser lido na íntegra, porque pelo visto a autora nos reserva uma bela “moral da história” no final ou mesmo ao longo da narrativa. 

28 páginas que atiçam o leitor. Pelo jeito mais um drama pungente se avizinha em setembro. Já quero!
Gostei bastante das listas — sempre contendo dez itens —, presentes na história, que pelo jeito teremos várias ao longo da trama, até me empolguei a escrever algumas, rsrs.


E para entrar no clima segue uma lista contendo dez itens sobre...
Dez coisas que você sabe sobre o amor:

- Que o amor é paciente. Euforia e pressa está mais para a paixão, então não confunda;
- Que cada ser é passível de erro, cabendo a cada um saber pedir perdão e perdoar;
- Que cada um tem que ter seu espaço, seja na casa, seja no armário, seja na vida em si;
- Que mesmo sentindo ciúmes devemos dar espaço para o parceiro ter seus amigos, um tempo só para si;
- Que não se ama sozinho;
- Que a rotina esfria qualquer relacionamento e devemos inovar sempre;
- Que devemos nos amar mais do que ao outro, pessoas que não se amam não se permitem ser amados como são;
- Que os pequenos gestos de carinho podem mudar o dia da pessoa amada;
- Que mesmo triste ou chateados nunca devemos descontar no parceiro;
- Que contar até 10 pode fazer a diferença na hora de uma discussão. 

Entre no clima você também e faça sua lista nos comentários!

10 comentários:

  1. Eu já vi alguma coisa sobre esse livro na blogosfera e pelo que senti ele é muito bom Leninha, espero tua opinião sobre ele... Sobre a minha listinha do que sei do amor...

    1- O amor é paciente e generoso;
    2- Ele proporciona liberdade e não amarras;
    3- Acontece quando menos esperamos;
    4- Quem o conhece ver o mundo de outros olhos;
    5- O amor é doação, é entrega;
    6- Exige sabedoria para saber lidar com o outro;
    7- Nem todos tem a coragem para dizer que sente;
    8- Pode nos levar do céu ao inferno em uma questão de segundos;
    9- Gera um grau de felicidade tão intenso que pode ser considerado como uma paixão;
    10- E sobretudo, é algo tão lindo que deve ser dito quando se sente não apenas para conquistar, satisfazer ou enganar uma pessoa.

    E essa é a minha listinha.

    bju

    ResponderExcluir
  2. Não me interessei muito pelo livro, mas se fosse fazer uma lista seria;
    1. o amor quer sempre ver o outro bem.
    2. o amor tem que ser regado todo dia.
    3. o amor precisa de companheirismo
    4. o amor precisa de paciência.
    5. o amor é capaz de grandes sacrifícios.
    6. o amor não é feito de cobranças
    7. o amor não é uma prisão
    8. não se mede o amor, apenas sente-se
    9. o amor não é escolhido
    10. o amor quando dividido só faz crescer o sentimento.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amei sua lista Rose e concordo com todos os itens. Se é amor tem que ser com entrega né?!

      Excluir
  3. Eita Lenninha!
    Todo mundo enamorado, hein?
    Lá vai minha listinha e falo sobre o amor em geral, não apenas o conjugal, ok?

    1-) O amor tem de ser incondicional.
    2-) O amor é entrega total, sem dúvidas.
    3-) O amor é cumplicidade e muito diálogo.
    4-) O amor é aquele entendimento apenas com o olhar...
    5-) O amor é tipo...quanto mais livre me deixar, mais me terá.
    6-) O amor é companheirismo.
    7-) O amor é perdão.
    8-) O amor é querer bem e ver feliz!
    9-) O amor é luz, brilho!
    10-) O amor é solidariedade e abnegação...
    Boa semaninha!!
    “A cada bela impressão que causamos, conquistamos um inimigo. Para ser popular é indispensável ser medíocre.”(Oscar Wilde)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O amor está no ar Rudy, rsrs
      Adorei sua lista, claro que o amor não pode ser visto apenas como o amor de casal, gostei de sua maneira de pensar.
      Beijos!

      Excluir
  4. Minha primeira impressão ao ler a sinopse é de que esse livro não faz meu estilo de leitura, mas como eu sempre estou me aventurando em estilos literários diferentes do que costumo ler, vou esperar sua resenha para saber mais sobre ele. Sem falar que acredito que a lição no final da leitura vai ser daquelas!!
    As coisas que sei sobre o amor não chegam a dez, mas pra mim são fundamentais:
    - Saber valorizar cada pequena ação de seu companheiro;
    - Saber ouvir;
    - Saber dialogar;
    - Ser companheiro;
    - Ser sincero;
    - Que ciúmes não é prova de sentimentos;
    - E por último, e o mais importante pra uma pessoa como eu: Saber a hora de dar atenção e a hora de dar espaço.

    Bjos, amei esse post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aventure-se Any, aventure-se! Amei a opção "Saber a hora de dar atenção e a hora de dar espaço." Com certeza essa é fundamental.

      Bjs

      Excluir
  5. Estou tentada a ler esse livro e com suas primeiras impressões fiquei mais ainda!

    Pandora
    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu exemplar já deve estar chegando por aqui, doida para ler.
      Bjs

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos