Ten Tiny Breaths - K.A. Tucker

Hoje no Sempre Romântica mais uma resenha da Nanda aqui no seu cantinho. Com vocês: Ten Tiny Breaths - K.A. Tucker.

Quatro anos atrás, a vida de KaceyCleary implodiu quando seu carro foi atingido por um motorista bêbado, matando seus pais, namorado e melhor amiga. Ainda assombrada pelas memórias de ter ficado presa, segurando a mão sem vida de seu namorado e ouvindo sua mãe dar seu último suspiro, Kacey quer deixar seu passado para trás.
Armada com duas passagens de ônibus, Kacey, 20 anos de idade, e sua irmã de 15 anos, Livie, fogem de Grand Rapids, Michigan, para recomeçarem em Miami. Kacey precisa descobrir como sobreviver. Mas Kacey não está preocupada. Ela pode lidar com qualquer coisa – qualquer coisa além de seu misterioso vizinho do apartamento 1D. Trent Emerson tem latente olhos azuis, covinhas profundas, e uma irresistível linha entre cara legal e bad boy. Endurecida por seu passado trágico, Kacey está determinado a manter todos à distância, mas a atração mútua é inegável e Trent está determinado a encontrar um caminho para o coração guardado de Kacey, mesmo que isso signifique que um segredo explosivo pode quebrar ambos os seus mundos.

Resolvi ler esse livro depois de ver tantos comentários positivos sobre ele. O tema perda e sofrimento não é meu favorito, mas dei uma chance e não me arrependi.

Kacey tem 20 anos e perdeu seus pais, namorado e melhor amiga num acidente de carro há quatro anos, onde ela foi a única sobrevivente. Ela sempre se culpou pelo que aconteceu. No inicio resolveu extravasar a dor se entregando às drogas, bebidas e sexo. Mas depois de um tempo ela se torna durona e sarcástica, escondendo todos seus sentimentos e não querendo aproximação de ninguém além de sua irmã de 15 anos.

Viver com os tios está complicado, então Kacey decide fugir com a irmã para Miami. E é aí que a armadura criada por Kacey vai começar a ruir quando ela conhece Storm e sua filhinha e Trent, o garoto lindo do apartamento ao lado, que mexe com os sentimentos dela desde o primeiro olhar.

Ela se entrega ao KickBoxing, pois a luta traz a paz e o relaxamento que ela não encontra em nenhum outro lugar, mas Trent também treina na mesma academia e com o tempo os dois passam a treinar juntos.

Mas Trent guarda alguns segredos do passado, ele também carrega uma grande culpa e convive o tempo todo com a dor, assim como Kacey. Talvez por isso os dois tenham combinado tanto.

A autora construiu de forma tão bem elaborada os personagens, inclusive os secundários, que é impossível parar de ler. Emocionei-me com Trent e Kacey. Gostei bastante da história e espero ler outros livros da autora.

E a irmã de Kacey também tem sua própria história, no livro OneTiny Lie.

Infelizmente, não temos esse livro publicado em português ainda. Espero que alguma editora publique logo para que todos possam ler.

Um comentário:

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos