A Caçadora: Sorriso de Vampiro - Vivianne Fair

No Sempre Romântica mais uma resenha da Nanda aqui no seu cantinho. Com vocês: A Caçadora - Sorriso de Vampiro, Vivianne Fair.

Jéssica tinha uma vida simples de secretária, até descobrir que seus pais – um tranquilo dentista e uma calma professora de ensino médio – eram na verdade caçadores de vampiros. Depois de ser chantageada por eles com dinheiro e para seguir a tradição da família, acaba sendo obrigada a viajar para Pensilvânia para provar de uma vez por todas que vampiros não existem e que seus pais precisam de terapia. Inscreve-se em uma universidade onde o suposto vampiro atua e é obrigada a passar por adolescente. Faz amigos estranhos, conhecidos por
otakus, e é perseguida por líderes de torcida, que é uma das maldições que carrega – arrumar encrenca com qualquer um que seja popular, mesmo sem querer. Embora não acreditando, acaba por começar a cumprir sua obrigação, seguindo um rapaz que só pode ser vampiro – pálido, lindo, só sai à noite e tem cara de que usa muito delineador. Com o tempo Jéssica começa a perceber que há muito mais além dos livros que lê e corre o risco de envolver muito mais do que somente o pescoço.

Adoro quando eu tenho um livro nacional na estante e ainda não li. Tive o prazer de conhecer a autora Viviane Fair em um evento literário aqui em Brasília. Assim que consegui os três livros da trilogia dela, comecei a ler.

No primeiro livro conhecemos Jéssica, uma secretária de 29 anos que acaba de descobrir ser descendente de uma família de caçadores de vampiros. Não bastasse essa surpresa, ela já tem uma missão: ir para Pensilvânia caçar um vampiro chamado Eric.

Chegando lá, ela é matriculada em uma faculdade, vai fingir ser adolescente e ainda vai fazer amizade com umas garotas que se denominam como otakus. Mas vampiro que é bom nada. Até ela conhecer Zack.

Zack é famoso tanto no livro quanto na blogosfera. Esse vampiro cínico e lindo (que eu só consigo imaginar como Ian Somerhalder) tem até fã clube minha gente!

A relação ente Zack e Jessi não tem nada de romance água com açúcar. Nada de beijos e pegação. Senti falta disso no livro, pois a característica de Zack remete a um personagem pegador, porém temos pouco romance no enredo. Os dois têm um senso de humor afiado e adoram dar tiradas um no outro.

O que me incomodou um pouco foi que eu esperava um pouco mais da história. Via sempre tantos comentários positivos e ao ler não encontrei motivos para tantos elogios. O livro é cheio de piadinhas e às vezes isso cansa, quando elas se tornam repetitivas.

Outra questão é o fato da Jessi ser muito fútil e não assumir a idade que tem, apresentando atitudes imaturas em várias situações. A história tem um desenrolar lento e talvez o humor foi usado para amenizar esse fato.

Enfim, apesar disso, gostei do livro. O Zack realmente me conquistou. Por isso vou ler os outros dois livros da série.

Amanhã cenas dos próximos capítulos...

4 comentários:

  1. Já tinha dado uma olhada nesta trilogia mas não me empolgou muito...

    http://conversandodragoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ei Nanda

    Eu tenho este tem anos e até hoje não li, estou meio de saco cheio dos vamps e tenho medo de não gostar rs, então vai ficando para depois.
    Já vi que a menina via me cansar tbm.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Já faz muito tempo que conheço esse livro
    Mas ainda não tive oportunidade de ler
    Gostei da dica

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Nanda, já simpatizei com a capa do livro. Não conhecia esta série, mas tenho a impressão que vou me divertir com ela.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Pré-venda!

Lançamentos