Uma Longa Jornada - Nicholas Sparks

Aos 91 anos, com problemas de saúde e sozinho no mundo, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele. Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra diversos momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram, o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra Mundial e seus efeitos sobre eles e suas famílias.
Perto dali, Sophia Danko, uma jovem estudante de história da arte, acompanha a melhor amiga a um rodeio. Lá, é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins, o caubói que acabou de vencer a competição.Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem juntos. Luke é completamente diferente dos rapazes privilegiados da faculdade. Ele não mede esforços para ajudar a mãe e salvar a fazenda da família. Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder. Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.

Acredito que todos saibam da minha predileção por um belo drama e acredito também que Nicholas Sparks esteja qualificado na categoria “pai do drama”, merecendo o Oscar por seu desempenho. Lendo seu novo livro, Uma longa Jornada, só posso concordar que o cara merece meus parabéns. Ele conseguiu se superar.

Devo salientar, entretanto, que esse não foi o livro que mais gostei do autor, mesmo sendo suspeita em falar, já que amo cada palavra que ele escreve.  Porém foi o livro que me deixou mais eufórica, extasiada e feliz com seu desfecho.

Durante toda a leitura eu fiquei num incrível suspense, com um suspiro preso na garganta, um descompasso no peito, numa expectativa absurda, sempre na espera da tão temida tragédia, algo tão característico na escrita do autor.  Era um desconforto a cada página virada, uma ansiedade para descobrir logo quem seria a próxima vítima do autor e, diga-se de passagem, mesmo não matando um personagem ele consegue transformá-lo em mártir.

Senti um constante e enorme pesar durante toda a leitura. O livro inteiro é um grande drama, partindo do princípio de que um dos personagens passa quase toda a narrativa preso dentro de um carro, definhando, enquanto relembra toda a história de sua vida. Enquanto isso em outro plano, outros personagens começam a vivenciar uma linda e suave história de amor, cheia de reservas e dificuldade latentes para o futuro. Foi permanente a minha expectativa em descobrir aonde os dois pontos da história iriam se ligar e adorei cada página até lá.

O clímax da história é a própria história, absurdo isso, não é?! Mas nada me preparou para o final do livro. Vi-me surtando aos gritos contidos de “uhuuuuuuuu” quando entrei na reta final da leitura. Nicholas Sparks atacou novamente, só que dessa vez me deixou radiante com o final do enredo.

Não quero atiçar a curiosidade e já atiçando quando digo; o cara tem o poder de se superar sempre, seja no drama, no suspense ou simplesmente no poder que ele tem de transformar uma simples trama em algo marcante e, às vezes, inesquecível. Que fique bem claro: Nicholas Sparks sempre arrebenta e dessa vez ele caprichou. Prepare-se para uma ótima leitura e uma grata surpresa, sem em nenhum momento ter a certeza de que o autor deixará de usar o velho esqueminha que tanto gosta e que sempre funciona tão bem.

Não preciso dizer que vale a pena ler, todos os fãs do autor farão isso com certeza. O livro tem um clima gostoso, uma história leve e que leva o leitor a desejar vivenciar o imenso amor que está arraigado em suas páginas.

Espero que cada leitor desfrute da leitura e reaja com a mesma empolgação, com a certeza que tem em mãos uma obra de arte tão rica, quanto as que figuram na narrativa.

É sempre um imenso prazer ler um livro de Nicholas Sparks, recomendo sempre!

25 comentários:

  1. NS tá te contamninando. Você foi dramática até na resenha. HAHAHAHAH

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  2. adoro esses dramas....quero ler esse

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia e depois volta e me conta o que achou, combinado?!

      Excluir
  3. Oi Leninha.
    Sou completamente louuuca pelos livros do Sparks. Para mim ele é um dos melhores, se não o melhor, autor do gênero drama/romance. Mesmo quando ele faz das suas, matando os personagens principais, eu não me decepciono com ele. Para mim ler Sparks já virou um vício. kkkkk

    Beijinhos
    Books And Movies

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então somos duas, kkk
      NS é meu pai do drama forever!!
      Beijokas!

      Excluir
  4. Ei Lena

    Eu só li 3 do autor e gostei deles, mas nenhum me deixou super fã do autor igual tanta gente. Eu tenho mais alguns em casa que ainda não li, mas basicamente eu tenho quase todos da NC e nenhum da Arqueiro eu acho rsrs.
    Este parece ser tão lindo, vou ver se leio. :P
    Minha fila está dando medo hehe.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que esse seja menos drama. O final foi uma delícia.
      Recomendo com certeza.
      Agora os outros livros do autor, se prepare, drama pouco é bobagem, kkk
      Beijos Nanda!

      Excluir
  5. Oi Lena!
    Eu terminei a leitura do livro ontem, e adorei a história \o/
    Olha, é difícil o Tio Nicholas acertar no final, mas nesse ele acertou em cheio =D
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabia que você ia gostar!
      Saiu o gritinho de uruuuuuu?
      rs

      Excluir
  6. Ei Leninha,
    pela-mor... eu não gosto de drama. rsrs Sparks é o pai do dramalhão e da tragédia. kk
    Acho que esse livro não é pra mim, já que o autor se superou. Matou quem dessa vez? kkkk
    BJs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando disse se superou você logo imaginou que ele mata todo mundo foi?! kkkkkkkkkkkk
      Ele se superou sim, não deixou de manter seu esqueminha mas surpreendeu com um final bem satisfatório.

      Se eu fosse você leria só para tirar a teima, rs.
      Beijos Hérida!

      Excluir
  7. Os livros do nicholas sempre surpreendendo!
    Confesso que não tinha me interessado por esse novo livro, e ele só não estava nas ultimas posições da minha lista porque é o NS. Mas depois dessa sua resenha.. ele esta encabeçando a lista!
    Tive essa mesma grata surpresa com Uma Curva na Estrada. E espero gostar tanto desse também.
    Sabe, sempre que pego um livro dele para ler já fico esperando a tragédia. E eu não consigo ler em paz enquanto ela não surge no livro. O único livro que eu consegui me envolver a ponto de não pensar nisso - o que foi ótimo já que não teve tragédia - foi O Casamento.
    Sua resenha deixaria o Nicholas orgulhoso, bem dramatica! rsrs
    Parabéns, adorei =)

    Beeijos, Dreeh.
    Livros e tudo que há de bom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dreeh, espero que você também curta a leitura.
      beijos!

      Excluir
  8. Leninha, eu também adoro um dramalhão ( como diz a Hérida, kkk)
    Realmente tenho muito medo de ler seus livros e me deparar com um final indesejado.Quando ele mata um personagem que eu amo, eu tenho vontade de matá-lo e juro que nunca mis vou ler um livro dele.Mas no final, eu morro de amores por ele.
    Mas esse, como você mesmo disse, não é um dos melhores, mas quando a gente já está pedindo socorro, ele nos surpreende. Mas sabe, eu confio no tio Nick, sei que ele não nos decepcionará nunca. Sou sua fã de carteirinha. Adorei sua resenha, mostra os defeitos e elogia. Eu também faço assim, pois como podemos ser sincera de outro modo?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro não é um dos melhores mas tem tudo que o tio Nicholas gosta; drama, romance, nostalgia e enfim, pega a gente pela mão e carrega para dentro da história.

      Quando digo que não é um dos melhores me refiro ao fato de que gosto de me acabar em lágrimas com seus livros e pelo contrário ri e me alegrei muito com o final.

      Vale muito à pena ler!

      Excluir
  9. Oi Leninha, também adoro um drama, aproveito para limpar minha vista com as lágrimas derramadas, kkkk
    Livro do Nick com certeza vou conferir.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro limpar as vistas assim também, rs.
      Espero que você goste da leitura, tio Nick se garante!
      bjs

      Excluir
  10. Ai amiga, eu ainda não li este livro, mas como grande fã do autor que sou, pretendo ler logo. Já tenho certeza de que vou me apaixonar por esta história assim como sempre me apaixono por tudo o que ele escreve.
    Que bom que você gostou, é mais uma certeza de que o livro é lindo.

    Beijão, Van - Blog do Balaio
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia logo, e volta correndo me dizer o que você achou!
      Beijão!

      Excluir
  11. Oi, Leninha.

    Não sou fã do Nicholas Sparks mesmo assim, tenho quatros livros aqui na minha estante sem ler, até hoje só tive coragem encarar a leitura do Querido John, não sei pq me interessei por esse, fiquei curiosa pra saber que fim ele dá aos personagens.

    Até o próximo post!
    Lu Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia mais NS Lu, acho que você vai gostar.
      E não esquece de voltar e me contar.
      Beijo enorme.

      Excluir
  12. Oi Leninha. Ainda bem que não foi apenas eu que esperei pela temida tragédia! Sempre que ele aparecia montando ou treinando me dava um nó na garganta e ficava todo inquieto (Você sabe o por que); quando cheguei a pensar que seriam apenas 2 histórias sem vínculo o Nicholas surpreendeu e muito. Surtei com a parte inusitada do leilão ^^ Que bom que você gostou; dentre os que já li esse até agora foi o melhor. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No quesito surpresa com certeza esse foi o melhor livro do Tio Nick.
      Como sou mais fã dos dramas mortais que ele escreve, dei nota 3 e meio para esse livro, rs.
      Beijokas Clóvis!

      Excluir
  13. Oi, cheguei ao seu blog através do google. Estava pesquisando sobre o livro e li sua resenha.
    Também sou fã do NS e amo os dramas dele. Esse vai ser o próximo livro e espero gostar tanto quanto os outros que li.
    Um porto seguro é lindo, ele não mata os personagens principais rsss.
    Ontem eu terminei de ler o melhor de mim... Que livro lindo!!!
    Bjs, Matt Santana

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos