Retrato do meu coração - Patricia Cabot

No passado, a desengonçada Maggie Herbert vivia às turras com os meninos, entre os quais o futuro duque de Rawlings, mas tudo se resumia a provocações e brigas. Agora adultos, eles se reencontram. Porém tudo parece conspirar contra a paixão recém-descoberta. Será que os jovens conseguirão vencer preconceitos - dos outros e os próprios - em nome do amor?

Se fosse possível fotografar meu coração no momento do término dessa leitura, com certeza todos poderiam ver a circulação alterada do meu sangue. E se a imaginação assim permitisse, veríamos estrelinhas e coraçõezinhos ao seu redor.

Foi um grato prazer ler uma história tão apaixonante. Desde o início eu sabia que iria amar. Tudo no livro me atraia. A capa perfeita, o mote histórico, a autora super-recomendada, enfim, não foi nenhuma surpresa que o resultado tenha sido tão gratificante.

Durante a leitura somos atirados aos braços de Jeremy, um bon vivant, um amante da vida fácil. Um dos adjetivos usados no livro que o caracteriza melhor, a meu ver foi: "vadio". Adorei isso, kkkk

Jeremy sempre esteve acostumado a ter tudo, desde um cavalo de raça até as mais belas mulheres, aparentemente sem nenhum esforço, era só saberem quem ele era e de maneira quase mágica o objeto de seu desejo aparecia facilmente em suas mãos. Isso até ele reencontrar Maggie, uma amiga de sua infância, que em suas lembranças, era sua torturadora, por ser sempre a mais alta e a mais forte. 

Maggie é uma garota além da sua época, possui uma alma de artista, uma rebeldia nata, um coração romântico e sonhos bem mais importantes do que se casar e ter filhos.

Desde a infância ela se sentia diferente de todas as garotas, ela sempre foi a mais alta e desengonçada entre todos os seus amigos. E continuou sendo assim durante muito tempo, só que ao crescer, Maggie desenvolveu curvas sensuais, num corpo que transbordava inocência e que faria qualquer homem babar. Uma beleza única que fez Jeremy ficar de quatro, totalmente louco e obcecado. 
Mas para sua surpresa, Maggie não seria uma presa fácil. Voluntariosa, aquém do seu tempo, e apesar do incrível fascínio que Jeremy exercia sobre ela, Maggie queria muito mais da vida.

O desenrolar da história prende de tal maneira que não dá vontade de largar o livro.
Jeremy e Maggie fervem em cenas hots, com uma química deliciosa, num enredo onde tudo se encaixa perfeitamente.

Patricia Cabot consegue escrever de forma tão leve e sucinta, sempre usando uma pitada de humor, que encanta quem lê.

Fico sem palavras para descrever o fascínio que Retrato do meu coração exerceu sobre mim e só posso concluir que estou mais que satisfeita com essa leitura. Nada mais gratificante do que terminar um livro com um sorriso nos lábios e a sensação de que o livro cumpriu seu objetivo e é perfeito em todos os sentidos.

Recomendo a leitura, com certeza qualquer leitor irá se apaixonar!

11 comentários:

  1. Um dos melhores livros que li esse ano. Assim como você não conseguia largar o livro e quando cheguei ao final fiquei com uma sensação enorme de saudade.


    Jeremy é TUDO!


    Adorei a resenha Lena.


    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Estou lendo e adorando cada linha.
    Parabéns pela sua belíssima resenha!
    Bju

    ResponderExcluir
  3. Agda dos Santos Oliveira16 de julho de 2012 13:26

    To morrendo de vontade de ler esse livro *__*
    Amei os livros dela que li, sou grande fã e sua resenha só me deu uma
    margem do que vou sentir ao ler esse livro.
    Percebe-se nitidamente seu fascínio pelo livro.


    @Agda01

    ResponderExcluir
  4. Amei a resenha!
    eu já tava querendo ler esse livros mais depois de sua resenha vou coloca-lo na minha lista de prioridade ;)

    ResponderExcluir
  5. Esse enredo me lembra um pouco os livros da Barbara Cartland... pela facilidade do mocinho em ser aceito apenas por ser quem é... hahaha
    Maggie é uma garota de atitude, gostei que ela tem opinião própria.
    Adorei a dica.

    ResponderExcluir
  6. Esta é mais uma resenha apaixonante sobre este livro.
    Ainda não o li, mas ele já ta na minha pilha! ^^
    Cada vez maior a expectativa da leitura...
    :D

    bjs

    ResponderExcluir
  7. Eu ainda não li o primeiro,pela sua resenha, esse parece ser um livro e tanto!



    Até o próximo post!
    Luciana
    Tendo oportunidade, visite meu blog.
    http://www.apaixonadaporromances.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Só elogios a este livro e como vc amei a capa e a sinopse não vejoa hora de poder desfrutar desta leitura e depois de sua resenha ai é que estou doida mesmo

    ResponderExcluir
  9. Oi, Leninha.

    Comprei esse livro em uma promoção.
    Preciso ler "A Rosa do Inverno" para ler este e não me perder na história.
    Pelo pouco que contou lembrei-me do livro "Muito mais que uma Princesa", da Laura Lee Guhrke, e dos mocinhos TDB dos livros da Judith McNaught.
    Adoro um romance histórico!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Ei amore, nem precisa ler A Rosa do Inverno antes, eu não li e não senti a menor diferença.
    O livro é inteiro, inicio, meio e fim. Assim como deve ser A Rosa...

    ResponderExcluir
  11. Linda resenha! Rosa de Inverno foi o primeiro romance histórico que
    li da autora e lembro ainda o quanto fiquei encantada. Assim que vi esse
    lançamento, com uma capa das mais belas, sabia que não iria resistir.
    Já comprei e ansiosa para ler.Mesmo assim, acho que vou reler Rosa de Inverno antes, parece mais
    interessante seguir a ordem já que não lembro muito do Jerry
    criança.Bjkas!
    Monique Martins
    @moniquemar

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Posts Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos