Mordida - Meg Cabot

O poder especial de Meena Harper finalmente será valorizado. A Guarda Palatina - uma poderosa unidade secreta que caça demônios - a contratou para trabalhar na filial de Manhattan. A questão é: seu ex-namorado, Lucien Antonesco, é filho do Drácula e o príncipe da escuridão. Tudo bem, Meena decidiu que já chega de vampiros em sua vida... Ao menos até que consiga provar que, mesmo não tendo alma, os seres demoníacos não perderam a capacidade de amar.

Mordida é a sequência de Insaciável, que foi resenhado semana passada aqui no blog. A ansiedade para descobrir o desfecho dessa história foi maior que a pilha de livros que tenho aqui para ler.

Para muitos a pergunta que fica no ar é: Será que essa sequência está boa ou condizente com a ótima narrativa de Insaciável? Acredito que só mesmo lendo para se tirar essa conclusão.
Devo confessar que minha opinião sobre o livro pode discernir com muitas que já vi ou que ainda irão passar pela blogosfera. Eu gostei do livro!

Por ser uma leitora que está bem voltada para livros dramáticos e sempre com um gran finale, não poderia ser diferente.
Em certas partes durante a leitura me vi igual àquela garotinha da novela Carrossel que a toda hora solta um suspiro e diz: "Que romântico, isso é muito apaixonante!"

Acredito que esse meu "gostar" se justifica por esse meu lado drama e que gosta de finais emocionantes, mas acho que para muitos ficará no ar apenas uma questão em Mordida: cadê o romance? Onde está a veia de humor tão presente no livro anterior?

Lucien continua um Gentleman, mas agora ele me causou um pouco de medo. Em Mordida ele precisa tomar uma decisão muito difícil para quem é o temido Príncipe das Trevas, e essa decisão pode tornar as coisas entre ele e Meena bastante complicadas, ainda mais agora que ela trabalha para a Palatina, uma organização treinada para caçar os de sua espécie, e a ele principalmente.

Alaric e Meena perderam um pouco do encanto, e aquele fogo que pareceu brotar entre eles no final de Insaciável não me convenceu e basicamente não decolou em Mordida.
Aí fica a maior pergunta de todas: Como aquele final pode ser convincente se durante a leitura tudo fica tão vago e sem pegada?

Novos personagens aparecem na trama para dar aquele up, mas ao término da leitura senti falta daquelas páginas onde tudo se encaixa.

No geral o livro é bom e interessante, mas pode deixar alguns leitores sem muita convicção na história.
Acho que o livro foi meio que escrito apenas para cumprir tabela, ou seja, a meu ver (quero deixar bem claro que essa é a minha opinião) Insaciável nasceu da imposição de se escrever sobre um tema atual (vampiros), mas sem muita pretensão. Até por isso a veia do humor foi tão latente, para tornar o livro mais leve e sem muita carga emocional. 
Assim nasceu essa série de apenas dois livros (acredito que ele não tenha uma continuação), escrita com humor, quase como uma sátira ao tema.

Gostei do livro, da ideia geral, da intenção da autora em criar humor, mas acredito, pelo pouco que conheço da narrativa de Meg Cabot, que ela poderia muito mais.


16 comentários:

  1. Wanessa Guimarães9 de julho de 2012 10:36

    UAU!!!


    Sou louca pela escrita da Meg, mas eu nunca li esse!!


    Beijo,www.estanteseletiva.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Lena!

    Estou esperando o meu Insaciável para começar a leitura \o/

    Pelo que eu li em outras resenhas, o primeiro livro é ótimo, mas o segundo tem algumas coisas estranhas. Mas vamos ver o que eu acho kkk

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Lena, ainda vou ler o livro, mas não tenho ideia de qual será minha opinião sobre ele.


    Medo do final... kkk


    Adorei a resenha, me deixou ainda mais ansiosa para que meu livro chegue logo.


    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li nem o primeiro livro, mas uma amiga já e disse que gostou muito. Já tinha ouvido que essa sequencia não era muito boa comparada ao primeiro livro.
    E você Leninha disse uma coisa que eu até pensei, realmente hoje em dia os livros estão sendo escrito e aquele suprassumo de ter obrigatoriamente uma sequencia está algumas vezes começando a interferir na qualidade do livros seguintes.
    Adoro sequencia isso é inegável, mas antes responder todas as questões em um único livro do que deixar um gancho para o próximo e acabar não sendo tão bom quanto os que esperávamos.
    Porém isso é só uma suposição minha, ainda quero ler ele esses livros e ai sim ver realmente se minha conclusão não foi precipitada.


    Bjs
    garotasdepapel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lena.

    Termino a leitura hoje e concordo plenamente com você até o presente momento.
    Depois de ter ficado inebriada pelo primeiro, estou achando que este está meio superficial. =o(

    Sentindo falta da química tão palpável no primeiro volume.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Agora fiquei com o pé a trás com essa série... já li algumas criticas negativas, mas mesmo assim tenho curiosidade de ler!
    Já li em algum blog e parece que essa série já tem uma continuação anunciada... Agora estou na dúvida, pois é segunda resenha que leio falando que não há continuação... Vou ver isso melhor!


    Bjus.

    ResponderExcluir
  7. Oi Leninha!!! Bom saber que vc gostou. Estou super ansiosa para ler, mas depois de algumas resehas tinha me decepcionado bastante.
    Agora a vontade de ler nasceu novamente. Espero gostar.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Huuum, resumindo: um livro meia boca.kkkk...
    Uma pena pq parecia muito booom!!! =(
    Acho que essa autora gosta de causar sentimentos contraditórios!!!

    ResponderExcluir
  9. CITAÇÃO
    "Aí fica a maior pergunta de todas: Como aquele final pode ser convincente se durante a leitura tudo fica tão vago e sem pegada?"

    Sabia que você também não ia gostar. Meia boca, não dá para falar que o livro é ruim, a escrita é gostosa, mas nossa tia Meg tirou coisa da cartola. rsrsrrs

    bjokas

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ana e Leninha.

    Terminei a leitura e como vocês duas, não engoli aquele final! Fiquei frustrada!

    Achei que a Meg devia ter desenvolvido melhor essa parte, que ficou meio superficial. Senti que ficou algumas lacunas.

    Apesar disso, gostei da leitura leve e descontraída!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Eu li uma entrevista da Meg, na qual ela dá a entender que está "cheia" das estórias de vampiros, mas q ela não ia ficar de fora desse mercado no qual ela deseja uma fatia do bolo, a Meena é a personalificação da autora, é o que ela está pensando no momento: não aguento mais essa estoria da mocinha sempre ser iludida por um vampiro e se entregar a ele, em insaciavel a Meena fala isso claramente, é o pensamento da autora ou seja a Meena é a Meg, por isso q ela dá um final a série totalmente diferente do normal vampiresco, tudo bem eu preferia outro final achei q o sonho de Alaric seria o final, Meena com lucien "destransformado" retornando a ser humano, mas n foi isso q ela fez, no final do livro deixa em branco um mistério: o aprecimento do quadro q só Lucien sabia q a Meena gostava, pode ser uma deixa p o terceiro livro, afinal não fiquei convencida do termino do tringulo amoroso de Meena, quem sabe ela resolva isso em um próximo livro é o que eu gostaria, pq n entendi como o Lucien pode ter roubado o quadro ou comprado p a Meena na condição q ele terminou ?????? MISTÉRIO!!!!!

    ResponderExcluir
  12. Leninha sua resenha me deixou curiosa
    Quero muito saber com quem a Meena fica.
    Mas pelo visto ela ficará com o Alaric (droga!!!).Ao contrário das leitoras,eu prefiro o Lucien.
    =/
    Fico decepcionada em saber que a Meg não soube manter o nível dos livros.
    E eu achando que seria uma trilogia.
    *FAIL*


    bjs Nati

    ResponderExcluir
  13. Esse livro ta na minha lista, mas sempre tenho a impressao que ele é fraquinho, sabe? Daqueles que vc lê e ao terminar se faz a pergunta: pq eu li?

    ResponderExcluir
  14. Desentupimento Descupinização da Desentupidora Abba 24 horas 11 3481-9820 todos os dias da semana inclusive feriados

    ResponderExcluir
  15. li os dois o segundo achei meio pobre a história, e sem graça, esperava mais de uma autora tão boa .

    ResponderExcluir
  16. O primeiro livro é bem mais legal. Nesse segundo parece que ela estava com pressa de terminar a história. Detestei o final ;/

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos