Impiedoso - Diana Palmer

Olha a Tícia aí gente!!!
Hoje teremos resenha do novo lançamento da diva, poderosa, absoluta no quesito mocinho "ogro", a Tia Palmeirão. 

Com vocês...

Impiedoso - Diana Palmer

Alto, moreno e bom partido? Era tudo o que importava para as mulheres de Jacobsville quando se tratava do belíssimo e distante agente do FBI Jon Blackhawk.Mas se dependesse dele, jamais constituiria família. Por sorte, Jon tinha uma guardiã: Joceline Perry, sua assistente eficiente e confiável. Sem sua ajuda, ele poderia ficar à mercê de uma caçadora de marido qualquer. No entanto, quanto mais Jon confiava nela, mais percebia o quanto Joceline era importante de verdade... Ela também não conseguia negar como se sentia atraída pelo chefe, mas, como mãe solteira, tinha o dever de ser profissional. Contudo, quando Jon ficou na mira de uma vingança, ela estava ao seu lado para socorrê-lo, alimentando ainda mais a chama da paixão entre eles. À medida que o perigo aumentava, Joceline se tornava mais presente. Porém, quando a poeira abaixasse, será que o homem que sempre havia evitado o amor aceitaria que tudo de que precisava sempre estivera ao seu lado? 




NOTA: Impiedoso é o 45º livro da série Homens do Texas da minha querida Diana Palmer. 
Você pode se perguntar: “Mas eu vou boiar não tiver lido os anteriores?” Não, dá pra ler numa boa, mas seria interessante a leitura também de Perigoso (44º) para um melhor entendimento dessa história.


Personagens: Jon Blackhawk e Joceline Perry

Estou iniciando hoje a campanha “SEJA PIEDOSO E ARRUME O JON BLACKHAWK PARA A TÍCIA”.
Podem participar do evento todos aqueles com inclinações caritativas e que se sensibilizarem com a necessidade dessa pobre criatura desafortunada de ter esse índio viril e totoso para si.
Por ele eu aceitaria vestir tanguinha, andar seminua (para a desgraça alheia) e dançar em volta da fogueira.

Tendo dito, a resenha:

John é irmão do delicioso mocinho de “Perigoso”, o Kilraven. Mas que família é essa, aliás? Depois falam que um raio não cai duas vezes no mesmo lugar. Aí, ó! Caiu!
Ele é um agente do FBI e possui uma assistente jurídica que não faz “trabalhos servis”, a simpática Joceline.

Interessante que esse casal é um tanto incomum em Diana: Jon não é uma toupeira com atitudes tipicamente eqüinas e Joceline não é virgem e muito menos boba e capacho como algumas outras mocinhas. Pelo contrário: é forte, atrevida, de língua afiada. E esse seu jeito insolente rende divertidas “brigas” com Jon.

Além disso, Joceline é mãe solteira e o pai de seu filho possui uma identidade meio misteriosa. Ao longo da história, porém, vamos fazendo suposições, entendendo alguns porquês e eu tô com uma vontade do caramba de soltar um spoiler... Cala a boca mulé!

Bem, o fato é que um bandido preso por Jon sai do xilindró e cisma que tem que se vingar. A partir de então, a situação fica tensa porque o maloqueiro começa a ameaçar tanto ele quanto Joceline. Nesse ponto, quem leu Perigoso compreenderá o que está acontecendo ao passo que aqueles que não leram, podem se perder um pouco. Eu explico: muito do banditismo daqui está vinculado ao banditismo de lá.
No entanto, não é nada que comprometa a leitura do livro.

Daí, as ameaças ficam mais sérias e Jon sofre um atentado. Diante de tamanha periculosidade, ele vai para seu rancho e carrega Joceline e o filho com ele. Apenas para a segurança dos dois. Só isso. Nada mais. Acreditamos.
Assim, as coisas vão acontecendo entre eles, alguns mistérios vão se desfazendo, outros vão se formando e etc. No final, dá tudo certo.

A história é linda, deliciosa. Diana Palmer, claro. No entanto, minha veia crítica sempre fica histérica quando percebo alguns leves pontos negativos e eu não posso deixar de falar: poderia ter um cadim mais de romance, menos história de índio americano (que parecem deslocadas em alguns momentos) e mais pegada. Afinal, Jon exala um instinto animalesco que eu... Controle-se!

Fora essas coisinhas, tudo é muito bão, bem construído. Ah, já ia me esquecendo: a mãe do Jon é uma jabiraca!

Recomendo!!!!!!!!

; )

16 comentários:

  1. Bom dia, Tícia!

    Querida ainda não li o livro mas estou  feliz com a resenha , eu  sou fã da Diana Palmer  e confesso que estou desesperada atrás do livro, preciso tê-lo na minha coleção  rs.

    Beijos 
    Luciana 
    Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir
  2.  Lulu, também to ansiosa pela chegada do livro aqui nas bancas. Amei a resenha da Tícia, ela me deixou aflita, preciso comprar Perigoso também, imagina meu drama, kkk

    ResponderExcluir
  3. Oi Ticia!

    Esse ainda não li =(

    Fiquei com vontade agora kkkk

    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Vem cá, você assume  a responsabilide. Olha lá que tenho trauma de Diana Palmer. Tem certeza que o mocinho não é um ogro, um cavalo, um arrogante insandecido? Vou ler, qualquer coisa venho aqui reclamar. rsrsrsrsrs

    bjokas

    ResponderExcluir
  5. Adoooro!!! Doidinha pra ter o Jon nas minhas mãos, hehe!!!

    ResponderExcluir
  6. Eu to morrendo pela chegada do meu. Uma amiga caridosa vai enviá-lo para mim, kkkk.
    Gente, o Jon é um mocinho atípico mesmo. Zero % de atitude cavalar.
    E eu quero tbm que alguma alma caridosa seja piedosa e consiga o Jon pra mim, kkkk.

    Amei a resenha Tícia. É difícil conter os dedinhos que coçam pra teclar as coisinhas né? kkkk
    Bjus

    ResponderExcluir
  7. Sou uma apaixonada de Diana Palmer, amei essa resenha rs, muito bem elaborada com ótimos toques de humor. Ainda não tive o prazer de ler esse livro mas ta na minha lista.
    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Huuum... um personagem índio...não me dou muito bem com eles...
    Você nem tem uma quedinha... é uma queda do pico do everest!!! hahha
    Adorei!!!

    ResponderExcluir
  9. Nota: dar um sumiço no fanfarrão do moderador de Comentários.
    OBS: Fazer bem feito para não ser pega.

    Oi pessoal!
    O livro é dos bão.
    Vcs irão gostar!

    Tonks... rsrsrs... trauma? Muita gente tem isso com Diana. É assim: ame ou odeie.
    Mas Impiedoso vc pode ler sem susto pq esse cara não tem nada de ogro. Pelo contrário. É uma gracinha. Mas qualquer coisa, pode vir aki reclamar que a gente sai no tapa!!! rsrsrsrsrsrs

    É Danielle... é uma quedona mesmo! kkkk
    Mas esse índio é mais gostoso que brigadeiro de panela. Pode ler!

    Para quem está esperando chegar, não esperem mais. Comprem direto no site da Harlequin. É bem mais rápido. Sabem quando chegaria aki? Quando Jon tivesse os netos.

    Bjo para todas!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Tícia.

    Acredita que nunca li nada dessa autora.

    Ouço tantas opiniões divergentes, do tipo ame ou odeie que instiga ainda mais a minha curiosidade, ainda mais com essa resenha bem humorada.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Ainda com problemas para comentar aqui no blog, Tícia comenta e eu repasso!

    Segue o comentário da Tícia:

    Nota: dar um sumiço no fanfarrão do moderador de
    Comentários.


    OBS: Fazer bem feito para não ser pega.


     


    Oi pessoal!


    O livro é dos bão.


    Vcs irão gostar!


     


    Tonks... rsrsrs... trauma? Muita gente tem isso com Diana. É
    assim: ame ou odeie.


    Mas Impiedoso vc pode ler sem susto pq esse cara não tem
    nada de ogro. Pelo contrário. É uma gracinha. Mas qualquer coisa, pode vir aki
    reclamar que a gente sai no tapa!!! rsrsrsrsrsrs


     


    Para quem está esperando chegar, não esperem mais. Comprem
    direto no site da Harlequin. É bem mais rápido. Sabem quando chegaria aki?
    Quando Jon tivesse os netos.


     


    Bjo para todas!

    ResponderExcluir
  12. Meus books do céu!!! Hei! Harlequin! Cade meu livro?! De q vale assinar se vc não recebe, hein?! Afeeee

    Ticiazinha, TOP TOP FURA FILA!! KKK To doidinha pra ler!!!! O mocinho não é ogro, não?! Legallllllllll

    Mas cá entre  nós.... amo os ogros tb!!!!!!!!!!!!rsssssssss


    bjao e parabens pela resenha

    ResponderExcluir
  13. Gosto deste gênero,concordo que devem ter mais romance e mais pegada,rsrsrs,bjs

    ResponderExcluir
  14. Ai, ai, ai, fiquei nos suspiros.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  15. Aiaiaiai... As suas resenhas desestruturam qualquer cristão Tícia.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos