Novelas Mexicanas - O Privilégio de Amar

Primeira fase

Luciana é uma bela garota órfã, que trabalha como empregada doméstica na casa do jovem seminarista João da Cruz. Apaixonados, os dois jovens passam uma noite juntos. Na manhã seguinte, ele vai para o seminário, confuso e culpado. Ana Joaquina, a mãe de João, proíbe Luciana de voltar a se aproximar do rapaz. Logo depois, ela descobre que está grávida. Luciana se vê sozinha e desprotegida diante do mundo. Quando seu bebê nasce, fica desesperada e abandona sua linda filha na porta de uma mansão, na esperança de adotarem a criança. Entretanto, a menina é entregue ao convento das Irmãs de Caridade, onde a criam e a educam junto com Rosário, que no futuro, será confundida com a filha de Luciana.

Segunda fase

Passam-se 20 anos e Luciana está muito diferente, tornou-se uma mulher de sucesso. Ela é dona de uma famosa loja de roupas de grife e está casada com André, um atraente ator de TV. André tem um filho do primeiro casamento, Vítor Manuel, bonito e conquistador, que na realidade, é filho de seu inimigo Nicólas. 
O casal tem uma filha: Elizabeth, caprichosa e rebelde, namorada de Maurício um jovem roqueiro de família rica que vive na base da diversão e de fortes emoções. Ele é filho do mau-caráter ex-amante de Luciana, o senhor Trajano.

Luciana finge ser uma mulher forte e autoritária, sendo que por trás dessa máscara, há uma mulher doce, só conhecida pelos amigos Miriam e Franco. Na Casa de Modas de Luciana, a LD, onde Miriam, Franco, Jakie (uma apresentadora de produções), Vítor Manuel trabalham, também tem Ramiro, que é apaixonado loucamente por Elizabeth. 

Cristina, a filha abandonada por Luciana, se transformou em uma linda garota de bons sentimentos. Aluga um apartamento e o divide com Lourença, uma jovem sincera mas desbocada, que torna-se amante de André. E com Magnólia, estudante universitária e muito trabalhadora, apaixonada por José Maria , que vive no mesmo prédio, com sua mãe, Remédios, uma mulher simpática que só vê namoro e casamento por todos os lados. José Maria se apaixona por Lourença, sem saber que ela está vivendo uma aventura com André. 

Cristina começa a trabalhar na loja de Luciana e, depois de muito esforço e sacrifício, se transforma em uma grande modelo. Conhece, então, Vítor Manuel e entre eles nasce uma paixão. Mas a noiva dele, Tamara, engravida de Nicólas e fala que o filho é de Vítor Manuel, separando-o de Cristina, que vai morar numa vila, e lá reside Rosário, e seu marido ladrão, Flávio. Cristina engravida, porém mantém segredo, e não quer que Vítor Manuel saiba. Tamara, a atira da escada, deixando a vida de Cristina e sua filha em risco. Mas elas se recuperam, Tamara perde seu filho, e Vítor Manuel descobre a existência de Vitória, sua filha recém-nascida. João da Cruz é um sacerdote dedicado a servir a todos. Luciana o procura e, cheia de rancor, confessa que tiveram uma filha. 

Inconformado com a notícia, João da Cruz começa a busca de sua filha. Luciana terá de lutar para salvar seu casamento, revelar a sua família o seu verdadeiro passado e com a ajuda do Padre João da Cruz, encontrar Cristina e conseguir o perdão de sua filha. Mas quando Cristina souber que Luciana Duval e João da Cruz são seus pais não irá entender que Luciana a abandonou para salvar sua vida, visto que estava doente e sem ter como alimentá-la. 


Minha Opinião:

Sou suspeita em dar minha opinião sobre essa novela, uma das quais devorei cada capítulo.
A novela era dividida em duas fases e lotada de personagens coadjuvantes, mas cada um com um propósito na trama (alguns nem tanto), muito bem desenvolvida por sinal.
Cristina era um personagem apaixonante e Luciana desafiadora. Mas as duas juntas tornaram a trama eletrizante. O que poderia ter sido um clichê, tipo: Afinidade e amor fraternal mesmo que desconhecido, na verdade foi ódio a primeira vista.
Vítor era um boa vida, filhinho de mamãe mas um eterno apaixonado, claro que sempre manipulável.
O mundo da moda, rivalidade, abandono de bebê, ódio, são as marcas dessa novela inesquecível, que com certeza deveria ser reprisada na íntegra.

Curiosidades da trama:

* A novela foi reprisada em 2008 sendo a sucessora de Maria do Bairro.

* O Privilégio de Amar conseguiu um de seus grandes trunfos ao reunir a típica história da menina pobre que se apaixona por um jovem rico com temas polêmicos. Temas esses como o alcoolismo, câncer de mama, leucemia, entre outros.

* O maior defeito foi a comentadíssima semana das lembranças: na época de Natal e Ano-Novo, para o público não perder nenhuma emoção, os produtores decidiram por deixar Luciana em coma, enquanto os outros personagens relembravam os melhores momentos da novela.

* No Brasil, o tema de abertura foi "O amor sabe o que faz", Marcelo Augusto. A princípio, nas primeiras propagandas de estreia da novela no SBT se escutava de fundo a música "O Privilégio de Amar" (veja video), cantado por Adryana e a Rapaziada, mas a música não ficou como tema de abertura no Brasil.



Fontes de pesquisa:


29 comentários:

  1. Adorava essa novela. Muitooo boa. Infelizmente não pude assistir a reprise. Nota 10

    ResponderExcluir
  2. Oi Lena!

    Adoro seus posts sobre as novelas mexicanas \o/

    Eu estou me lembrando de várias! Algumas eu não acompanhei até o final, mas me recordo bastante do enredo rsrs

    Essa foi uma das que eu acompanhei inteira \o/

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Assisti essa novela!!! Sou fã de novelas mexicanas... as brasileiras eu não vejo... mas tb faz tempo que não acompanho um dramalhão mexicano... creio que a última foi Amor Real, tb com a Adela Noriega... logo que ela surgiu eu não gostava dela... depois deixei de lado ela é boa atriz!!!
    Essa novela foi maravilhosa... tinha raiva do mocinho e mais ainda dela... pq se deixavam enganar... Luciana era bárbara, principalmente quando implicava com a Cristina...
    Esse ator que faz o padre, é um xodó. =)

    ResponderExcluir
  4. Oi Dani, já fiz post de Amor Real, ela é uma das minhas preferidas.
    Gosto muito da Noriega, ela passa o sentimento no olhar, mas vamos combinar, ela e o Calunga arrasam!
    Beijinhos e volte sempre!
     

    ResponderExcluir
  5.  Essa novela foi realmente linda!
    Vou te contar, não me arrependo um segundo dos momentos que parei para assistir uma novela mexicana, se ainda passasse como antes, com certeza veria novamente.

    Sempre bom ter vc aqui Ká!

    ResponderExcluir
  6.  Mas vc assistiu da primeira vez que passou?
    Eu assisti todas as vezes, e assistiria de novo!

    beijos e volte sempre!

    ResponderExcluir
  7.  Oi, Leninha.

    Esta é mais uma da minha lista extensa de preferidas.

    Era apaixonada pelos personagens e até minha mãe ficou fascinada pelo André Duval. [risos].

    Adorava as novelas com o César Évora, a Adela Noriega e o Fernando Colunga. Assisti todas.

    Assisti todas as vezes em que foi exibida.

    Devia ter uma tarde de amor com todas essas novelas, como era antigamente.

    Não perdia uma. Adoraria rever Kassandra, Coração Selvagem, Amor Real, A Estranha Dama, Guadalupe, Topázio, A Usurpadora, entre outras.

    Atualmente, sei que o SBT está reprisando Maria do Bairro à tarde.

    Bom relembrar!

    ♪ Todo dia, toda noite, eu te amo cada vez mais... Mais do que mais eu penso que eu sei. Mais do que jamais eu amei ♪

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. eu adoro a musica de abertura cantada na versão origina pela Lucero e Mijares - e apesar de preferir o Cesar Evora (padre) fazendo papel de vilão, aqui tbm ele dá um show - não é para menos que é um dos melhores atores do méxico. Em Abraça-me mui forte, onde ele é um vilão com V. maisculo, colocam o Colunga para contracenar com ele - deu até dó do Colunga ( que na minha humilde opinião é bem limitado).

    ResponderExcluir
  9.  Nossa amei este post *-*

    Eu amo novela mexicana das antigas , e está é uma das minhas favoritas...

    adoro a atriz principal, adela noriega, ela é otima, e claro o meu divo das novelas mexicanas Cesar évora....

    Voltarei sempre para conferir seu blog.

    Bjus

    ResponderExcluir
  10. Nossa!!! Nem lembrava dessa novela!!! Mas tb assisti...confesso, não resisto a um drama mexicano...
    bjs

    ResponderExcluir
  11. Gente, eu amei essa novela! Deu até saudade do tempo em que via novelas mexicanas a tarde e a noite. Eu AMO!!!  Como Cristina sofreu nessa novela, heim? Até Luciana descobrir que era a sua filha, perseguiu muito a jovem. E a bruxa da Tamara? Lembra dela? A mulher era totalmente louca. Ai que saudade  !! Não se fazem mais novelas como antes. Vc me deixou com o coração saudoso agora. AMEI!!

    bjs no core

    ResponderExcluir
  12.  Assisti na primeira vez. Ela era tão boa que queria ter assitido as reprises, kkkk.

    ResponderExcluir
  13.  Nossa, a minha preferida foi sem dúvida Coração Selvagem!!! Excelente!!!

    ResponderExcluir
  14.  Dá uma saudade né amiga?!
    Bons tempos...

    ResponderExcluir
  15.  Também gosto desse ator como vilão, a expressão facial dele já condiz com a maldade, kkk
    Colunga pode até ser um pouco limitado, não discordo, mas que é um gato maravilhoso, isso ele é, kkk
    Beijinhos querida, volte sempre!

    ResponderExcluir
  16.  Volte sempre querida, e se quiser matar mais a saudade, confira todas as novelas mexicanas que já passaram por aqui.
    São várias páginas de postagens:
    http://natadosromances.blogspot.com.br/search/label/Novelas%20Mexicanas

    Com certeza vc vai matar as saudades!

    ResponderExcluir
  17. Somos duas, quantas vezes repita, serão as vezes que assistirei!
    Beijinho e volte sempre!

    ResponderExcluir
  18.  Dá saudade mesmo, aja coração!
    Volte Sempre!

    ResponderExcluir
  19. Também sou suspeita, porque adorava essa novela. Assisti todas as vezes que o SBT a reprisou.

    ResponderExcluir
  20.  Boa assim, deveria ser reprisada mais diversas vezes, concorda comigo?!
    Beijinho!

    ResponderExcluir
  21. ola pessoal, eu também gosto muito da novela "o privilégio de amar", e conheço um canal de TV na internet que vai passar essa novela. Pra quem quiser assistir, me adicione no msn (sigolo1@hotmail.com), que eu falo o site q vai passar.

    ResponderExcluir
  22.  Ei Mateus, deixa o link do site aqui pra gente, seja bonzinho vai!!!

    ResponderExcluir
  23. virginia bizerra4 de abril de 2012 20:16

     eu já li todos os seus posts de novelas *-*
    amei todos =D

    ResponderExcluir
  24. caroline aparecida mendes ferr7 de abril de 2012 10:38

    nossa eu assistia esta novela todos os dias quando chegava da escola no sbt meu era muito pequena mais ficou na memoria ,linda novela.
    me segue lá no meu blog tambem falo de novela to apenas começando mais um dia chego lá rsrsr.
    parabens pelo blog ta lindo.

    ResponderExcluir
  25. OMG! O_O AMO essa novela (abafa que amo noves mexicanas...kkkk) Assisti todas as vezes que o Tio Silvio passou! *-* Ahh a Cristina é uma linda, Vitor que homem... aiai e o padre (ai meu pai) com todo respeito delícia...kkkkkkkkkkkkkkkk
    O Privilégio de amar faz parte da minha lista de novelas... ♥
    Bjus

    ResponderExcluir
  26. OMG! Eu não perdia um capitulo dessa novela tão linda.

    ResponderExcluir
  27. Olá, no último capitlo quando cristina desce a escada da casa de sua mãe toca se uma linda música não conseguir descobrir quem são os cantores? caso alguem conheça favor postar.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Posts Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos

Lançamento!