O Reino dos Céus - Drica Bitarello

Jerusalém, 1187.
A Terra prometida.
Um lugar onde todos os pecados são perdoados, onde as fontes jorram leite e mel. E onde o solo é lavado pelo sangue de gerações.
O Demônio...
Viver nas sombras, sozinha. Há muito tempo Radegund se curvou ao seu destino. Porém, ao tropeçar em Leila, uma jovem árabe, toda sua vida parece fadada a mudar. Nada mais será como antes.
O Pecador...
Vinho, mulheres, guerra. Tudo seria simples para Mark, se ele não fosse filho de dois mundos tão diferentes e tão iguais. E quando um jovem e taciturno soldado o salva da morte certa, as coisas realmente começam a se complicar.
O Redimido...
Das montanhas geladas para as areias escaldantes. Só um homem com um grande segredo faria um caminho tão longo. Na Terra Santa, Ragnar buscou a paz. Encontrou a guerra, a corrupção e a solidão. E também o amor.

O Reino dos céus abre as portas para o universo de Radegung uma mulher machucada no corpo e na alma. Ela é força, garra e dor. Seu corpo traz as marcas de lutas vencidas e sua alma de derrotas profundas.

Conhecer Radegund foi um imenso prazer, uma mulher que luta disfarçada de homem e convive com eles de igual para igual e muitas vezes até os supera.

Seus olhos causam medo, sua força provoca as mais diversas reações, desde respeito ao ódio insano.

Sua vida solitária ia muito bem, até o dia que seu destino cruza com a meiga e delicada Leila, a filha de um abastado homem de Jerusalém, que sempre se mete em apuros, e quando salva o belo mestiço Mark da morte certa, sendo obrigada a voltar para a casa de Leila para que ele se recupere, e entra assim em seu caminho o belo e enorme Ragnar, que ao conhecer a bela Leila perde seu coração.

E o mundo de Radegund está completo, agora ela tem uma amiga e dois belos guerreiros que a protegem e a temem.

O livro é repleto de aventuras, em um misto de humor e drama. Uma história fascinante com uma bela narrativa, que entremeia passado e presente de forma única.

Palmas para os vilões da trama que agem com maestria tornando o livro uma leitura inesquecível.

Muita sensualidade, cenas hots, misticismo em meio à guerra santa onde o maior estrategista que o mundo muçulmano conheceu Saladino tem sua participação marcante.

Drica Bitarello escreve com conhecimento de causa, sua narrativa é rica em detalhes da época, desde a vestimenta dos personagens, passando por suas armas fascinantes e mortais até os mínimos detalhes, uma rica pesquisa, uma história profunda e tocante na medida certa.

A autora consegue manter o leitor tão envolvido na leitura que você não consegue largar o livro até que ele termine, cada página puxa a outra recheadas de mistérios, e quando você pensa que descobriu eis que surge um novo drama tornando a leitura cada vez mais interessante.

O final do livro é perfeito, as amarras são desfeitas e novas perspectivas se abrem para o próximo livro, uma série que me deixou completamente apaixonada.



Pergunta ao autor:


- Qual foi sua maior inspiração para escrever o reino dos céus? 
- Algum dos personagens foi inspirado em alguém conhecido ou mesmo eles possuem algo da sua personalidade?

A maior inspiração para “O Reino dos Céus” veio de diversos livros que eu li com temática medieval e também de fantasia. “Brumas de Avalon”, “As Mil e Uma Noites”, os Contos de Robert E. Howard (criador do Conan), entre outros. Houve filmes também, que ajudaram a inspirar como Robin Hood, Kingdom of Heaven e The Lion In the Winter foram alguns deles.

Quanto aos personagens, não costumo me inspirar em ninguém conhecido. Eles meio que vão se construindo, se revelando ao longo da história. Com certeza há um pouco de mim em cada um deles. A Ana Paula (De Burgh), que é tanto amiga quanto uma de minhas fãs, disse uma vez, analisando os livros, que a Radegund era meio que um reflexo meu. Mas eu prefiro deixar que ela tenha vida própria.
Fisicamente eu me baseio em algumas imagens para me orientar na construção dos personagens. Coloquei algumas fotos no meu site para ilustrar isso, imagens de atores e atrizes – alguns conhecidos, outros nem tanto – que refletem a imagem física que tenho dos personagens quando os crio. Fora isso, tudo vai fluindo de maneira um tanto autônoma. É como eu brinquei lá no encontro: as vozes falam, contam a história, e eu escrevo.

Beijinhos, Drica.

Vale a pena conhecer o universo de Radegund e seus amigos, numa série maravilhosa que assim se segue:

1. Reino dos Céus - Ragnar e Leila.
2. Fogo Vermelho - Radegund.
3. A Cruz e o Crescente - ainda não publicado - Mark .
4. O Despertar do Dragão - ainda não publicado - Gilchrist.
5. Corações Sombrios - ainda não publicado - Hrolf.
6. Senhora dos Dragões - ainda não publicado - Dermott.

Para comprar a obra clique no link abaixo:
http://clubedeautores.com.br/book/11935--O_Reino_dos_Ceus

14 comentários:

  1. Leninha,

    Não li a resenha, pq quero muiiiito ler o livro em breve.

    Depois que ler volto pra comentar.

    Mesmo sem ter lido sei que vou amar a série da Drica.

    Bjos,

    ResponderExcluir
  2. Oie, Lena

    Quero muito ler esse livro *--*
    E com essa resenha fiquei com mas vontade, parabéns ficou ótima ;)


    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Ei Lena,

    Não conhecia acredita? Gostei muito do enredo e da resenha, acho que eu ia gostar. Agora a capa não me conquistou.

    bjoo

    ResponderExcluir
  4. "A autora consegue manter o leitor tão envolvido na leitura que você não consegue largar o livro até que ele termine..."

    Esse livro é maravilhoso. Já li e resenhei e concordo com Leninha. Você não consegue largar o livro. Ótima dica de leitura.

    bjokas

    ResponderExcluir
  5. Aaa Adorei!!! Ainda mais q tem um q se chama A Senhora dos Dragões!!!

    http://conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Eu li... de uma tacada só!
    Muito maravilhoso!

    ResponderExcluir
  7. Li esse livro há muito tempo, antes mesmo de virar livro... rsrs Mas fiquei apaixonada e espero comprar e reler logo.

    Adorei a resenha, você conseguiu descrever o livro maravilhosamente.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Eu acompanho a saga desde que ainda não era livro.
    Amei cada um dos livros.
    A história é envolvente e te prende no livro de uma maneira incrível.
    Eu já li duas vezes estou só esperando o meu exemplar de Fogo Vermelho para ler.
    Leninha adorei a resenha. bjs

    ResponderExcluir
  9. Adoro livros históricos, principalmente os ambientados na Idade Média. Adorei a resenha. Quero ler!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Leninha, amei essa resenha *-* Fiquei ultra curiosa para ler esse livro - parece excelente!!!

    ResponderExcluir
  11. Leninha, issso não se faz: todo dia vc vem com um livro melhor que o outro???? Esse pelo jeito já vou ter q colocar na minha listinha!!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Lena.

    Estou de olho nesse livro há tempos!

    Depois dessa resenha maravilhosa, preciso tê-lo na minha estante, porque adoro histórias de misticismo e medieval!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia esse livro, lendo a resenha agora, ele parece que deve ser bem bom...fiquei com vontade de ler.

    Bjus
    Gisele
    http://dicasdelivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Pré-venda!

Lançamentos