Fora de mim - Martha Medeiros

Recém-separada de um casamento longo e pacífico, a protagonista se apaixona loucamente, embora não cegamente, por outro homem, de personalidade conturbada, com quem vive uma intensa paixão. Consciente do mergulho, a mulher pressente que no fundo daquela relação só acabaria encontrando a escuridão da dor. Mesmo assim, dá o salto. E perde. A entrega é um vício sem saída. 


Fora de mim é um livro de leitura única, quase poética, trata o leitor como um confidente, e nos desvenda seus segredos, dores, amores.
Um pequeno livro, mas de uma grandeza sem tamanho.
O livro é dividido em três partes, o início nos mostra os traumas, a dor, o sofrimento de uma mulher abandonada e desiludida. Na segunda parte vemos como tudo começou. Como um relacionamento começa fadado ao fracasso, como ele pode destruir e nos tornar dependentes.
E na terceira parte vemos o desfecho, como os personagens estão hoje. Sinceramente achei a melhor parte do livro, que acaba nos dando uma lição.

Em nenhum momento do livro espere conhecer os personagens pelo nome, pois eles não são identificados assim, mas a relação leitor/personagens é tão forte que isso se torna insignificante.
Para que nome com tamanha narrativa, com tamanha sensibilidade.

A autora consegue inovar, na forma de desabafo ela coloca em palavras toda a emoção a dor, o sofrimento que vem com o  término de um relacionamento.

Não poderia deixar de citar umas das frases do livro que me tocou:

Meu rosto está murchando. Um dia serei uma velha bem seca com cara de mal, mas por enquanto ainda estou sintonizada com a menina inocente dos retratos do colégio, que não acreditava que os sentimentos precisassem de tantas conexões para serem explicados.
Essa mostra a visão da personagem sobre o casamento:
"Casar é uma satisfação para a sociedade". Por mim, usaria esse termo pela metade, diria apenas: "É uma satisfação."


Recomendo como um aprendizado, nada melhor do que experiências alheias para nos abrir os olhos!

20 comentários:

  1. Nossa, Lena! Parabéns pela resenha! Já li esse livro, resenhei e gostei demais, mas adorei sua resenha, relembrei tudinho, dos sentimentos que tive quando li.
    Foi o primeiro livro que senti isso "(...)relação leitor/personagens é tão forte que isso se torna insignificante.
    Para que nome com tamanha narrativa, com tamanha sensibilidade."

    Parabéns pela resenha, viu? Bjussssssssss

    ResponderExcluir
  2. Leninha, eu tenho um problema com livros com um tema tão forte como esse.

    Sempre sofro demais... Não sei porque, mas acho que preciso dar esse livro de presente a uma pessoa, quem sabe ela não se identifica com o livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Livro nacional, eu sempre com pé atrás...kkk
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca li nada da autora, esse parece ser interessante... uma história forte...

    beijos,
    Dé...

    ResponderExcluir
  5. Martha Medeiros é uma das autoras q mais gosto!
    Ela é tão intensa nas palavras!
    Adoro!

    ResponderExcluir
  6. Coitada desta mulher eim
    Sofrendo por amor 2 vezes...
    Ah, adorei o jeito q falou do livro
    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Naum parece fazer muito meu gênero mas ainda assim parece interessante...


    http://www.conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. deve ser muito massa. nós mulheres mesmo sabendo que alguns amores são fadados ao fracasso acabos sempre investindo neles.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Leninha!

    Amei esse livro, que me despertou um turbilhão de emoções!

    O texto é de uma poesia, né?

    Dá a impressão que estamos trocando confidências, com a personagem.

    Minha animação foi tanta, que minha resenha ficou imensa! (risos).

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oie!

    Sua resenha ficou ótima mas não é um livro que eu compraria, possa até ler mas se alguém emprestar kkkk.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Leninha!
    Gostei do mote. Mas não fica dificil acompanhar a história sem os nomes dos personagens?
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. "trauma, dor, sofrimento"... hii... nesse momento da vida, tô fora... talvez quando eu estiver com um ânimo melhor... rsrs

    ResponderExcluir
  13. Esse livro parece incrível!!!! Já vi algumas outras resenhas bem interessantes dele =D

    ResponderExcluir
  14. Amo os livros da Marta e da Lya Luft, sao mulheres que escrevem sobre mulheres e seus conflitos.Amei sua resenha. Quase comprei o livro mas achei tão finiho.Mas vai para minha lista.amei. Bjkss

    ResponderExcluir
  15. Apesar de não ler muito Martha Medeiros, gosto muito. Tudo que ela diz sempre parecer o certo.

    Ótima resenha,


    bjs.

    ResponderExcluir
  16. Ei Lena

    Já li alguns texto da Martha e gostei muito, mas nunca li um livro todo dela. Adorei os trechos q vc citou.

    bjoo

    ResponderExcluir
  17. Forte, profundo... Parece um livro que não deve-se deixar de ler. Uma leitura emocionante, tocante.

    Sua resenha atiçou minha curiosidade e concerteza vou em busca desse livro.

    Xero.

    ResponderExcluir
  18. Leninha,

    Eu quero! Literatura brasileira ainda mais? Ai que quero mesmo.

    Sua resenha me deixou bem animada apesar de ser um livro forte.

    Bjinhos,

    ResponderExcluir
  19. Devorei o livro, não conhecia nenhum da autora, comprei e não me decepcionei. O livro trata na íntegra, descreve momentos reais de dor da perda, muito bem redigido; não é cansativo e nem repetitivo; narra exatamente momentos de extrema angústia, dúvidas de uma mulher apaixonada, parabéns.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Obrigada!

Editoras Parceiras

Postagens Recentes

Visualizações

Últimos Comentários

Lançamentos